Tag archive

Futebol Popular de Barcelos

Futebol Popular de Barcelos com competições canceladas e concluídas

Maio 26, 2020 em Atualidade, Concelho, Desporto Por barcelosnahorabarcelosnahora

Campeonatos sem campeões, nem despromovidos

Em comunicado datado de hoje, a Associação de Futebol Popular de Barcelos (AFPB) informou que dá por canceladas e concluídas, com efeitos imediatos, todas as provas que estão suspensas, não atribuindo títulos, nem despromovendo clubes.



Decidiu, igualmente, manter válidas as competições terminadas antes da suspensão, irá analisar possíveis compensações e solicitará o agendamento de uma Assembleia-Geral eleitoral, sempre dentro do cumprimento das regras e normas de segurança e distanciamento social.

Segue, na íntegra, o referido comunicado:

«Na sequência do comunicado do dia 12.03.2020, referente à suspensão das competições organizadas pela Associação de Futebol Popular de Barcelos e analisado o contexto e a evolução atual, vem a direção da AFPB informar a seguinte deliberação:

Atendendo que:

. Continuam a não estar reunidas as condições de Saúde Pública para que os clubes possam treinar e competir com segurança;

. Não se perspetiva uma evolução da situação epidemiológica favorável no curto prazo, que permita retomar as competições;

. Que um adiamento para o 2º semestre poderá prejudicar a próxima época desportiva e acrescentar problemas adicionais aos clubes e jogadores;

A direção da AFPB deliberou:

. Dar por canceladas e concluídas, com efeitos imediatos, todas as provas que estão suspensas, não sendo atribuídos títulos;

. Manter válidas as competições terminadas antes da suspensão;

. Não realizar despromoções;

. Continuar a analisar a possibilidade de eventuais subidas de divisão, como forma de promover o mérito desportivo, que ficará pendente do número de equipas inscritas da 1ª divisão ou de uma possível reestruturação dos campeonatos;

. Analisar eventuais compensações financeiras, de acordo com a viabilidade financeira da associação, após o encerramento de contas;

. Diligenciar junto do presidente da Assembleia-geral, a convocação da assembleia-geral eleitoral, prevista para o presente ano, que deverá ser realizada com todas as normas de segurança e distanciamento social, recomendado pela DGS.»

Foto: AFPB (alterada/arquivo).

Uma jornada com novos resultados surpreendentes e uma polémica que “dará que falar!

Dezembro 1, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora

Luís Gonçalves

Olá, amigos leitores!

A jornada nove da Primeira Divisão do futebol popular de Barcelos, à semelhança da jornada anterior, trouxe-nos resultados surpreendentes!



Começo pelo líder Leões da Serra (23 pontos) que, com a vitória caseira (2-1) frente ao Palme, aumentou de dois para quatro pontos a distância para o segundo classificado. Já o Palme ocupa o 8º lugar, com 11 pontos.

Quem aproveitou para subir ao 2º lugar foi o Macieira (19 pontos), que venceu o Carapeços por 2-1. Macieira que, em casa, totaliza tudo vitórias: 5 jogos, 5 vitórias! O Carapeços (7º, com 15 pontos) continua a perder “fora de portas”.

Em ex-aequo no segundo lugar encontra-se o Carvalhal (19 pontos), que desta feita não foi além de um empate a 1 frente ao Silva (10º lugar, 10 pontos). Recordo que o Silva tem “trepado” na tabela classificativa.

O Leocadenses, também no segundo lugar, com 19 pontos, ainda não perdeu “fora de portas”! Foi aos Feitos (8º lugar, 11 pontos), equipa que vinha em crescendo, vencer por 0-1.

O Remelhe (5º lugar, 18 pontos) continua a ser a defesa menos batida! Pela quarta jornada consecutiva voltou a não sofrer golos! Recebeu e venceu o Oliveira (15º lugar, 8 pontos), por 2-0.

Ora, foi neste jogo que a referida polémica, que coloquei no título, “estalou”. Por volta dos 70 minutos, a equipa do FC Oliveira abandonou o terreno de jogo, como forma de protesto contra a “constante perseguição que tem sido alvo da parte das equipas de arbitragem desde o início do campeonato”, conforme consta do comunicado emitido pelo clube. Nele consta também o enorme respeito do Oliveira para com o Remelhe, a quem agradece por ter respeitado a sua decisão, assim como afirma respeitar todos os outros clubes do Campeonato. Como gosto de futebol, e do futebol popular em concreto, decidi contactar um responsável do FC Oliveira, via Facebook, que me enviou um esclarecimento sobre o que se passou e o que levou a desencadear da decisão deles. Esclarecimento esse que, com a sua autorização, passo a transcrever na íntegra:

«No passado domingo, no jogo que opunha o Remelhe ao FCO, os nossos jogadores tomaram a decisão de abandonar o recinto de jogo. Não foi devido aos erros de avaliação por parte da equipa de arbitragem nesse jogo, como tem noticiado algumas redes sociais, mas sim pela constante falta de respeito de que tem sido alvo a equipa técnica, jogadores e diretores. Ao longo de vários jogos que não somos tratados da mesma forma que os nossos adversários e somos constantemente castigados e punidos com multas sem motivos que o justifiquem. Já fomos apelidados por equipas de arbitragem de “pequeninos e miudinhos”, “estás sempre a gritar, não te marco mais faltas”, “ não podes com um encosto”, entre outras…

Os erros de arbitragem existem e vão existir sempre, não foi isso que motivou a nossa indignação, mas que é um facto é, temos tido demasiados erros com influência nos resultados, sempre em nosso prejuízo.

Não foi uma decisão fácil que tomámos e pedimos desculpa se indiretamente prejudicámos alguém, mas foi um BASTA, um murro na mesa por parte de quem está cansado de ser gozado. Trabalhamos muito para estarmos preparados para as exigências dos nossos jogos e não admitimos que gozem com o nosso trabalho.»

E assim, caros leitores, eis um esclarecimento por parte de alguém com responsabilidades no FC Oliveira, que me pediu para não revelar o seu nome (algo que respeitei e cumpri). Agradeço-lhe pela atenção e tempo despendido comigo. Senti que todos nós, seguidores do futebol popular, “merecíamos” saber um pouco mais sobre um acontecimento não muito comum (o abandonar do terreno de jogo por parte de uma equipa). A ver vamos se as coisas acalmam e se se volta à normalidade…para bem do nosso futebol popular.

O atual campeão, Pereira (6º lugar, 17 pontos) voltou a “tropeçar fora de portas”. Empatou em Salvador do Campo, a 1. Campo que está no 17º lugar, com 7 pontos.

Um jogo entre recém-promovidos, que se aguardava com expectativa, era o Perelhal (10º lugar, 10 pontos) e o Fragoso (15º, 8 pontos). 1-1 foi o resultado final e ambas as equipas a somar um ponto. Lembro que o Fragoso vinha de 5 derrotas consecutivas.

O conjunto de Balugães (10º, 10 pontos) voltou a perder. Foi a primeira derrota em casa, frente ao Cossourado (13º, 9 pontos). o Cossourado somou a primeira vitória “fora de portas”!

A equipa de Negreiros (13º, 9 pontos), que começou o campeonato logo com duas vitórias, tem vindo em decrescendo! Nesta jornada somou um ponto, frente ao Pedra Furada (18º, 1 ponto). Pedra Furada que somou o primeiro ponto ao cabo de 9 jornadas! Será um tónico para o resto do campeonato?

Resumindo: o Leões é cada vez mais líder e invicto neste campeonato, perseguido por três equipas “coladinhas”, o Macieira, o Carvalhal e o Leocadenses, a quatro pontos de distância! Remelhe a cinco e o campeão Pereira a seis. Tudo ainda muito “morno” quanto a decisões! Contudo, há muitas equipas equipas a lutar pelo tão almejado título! De salientar o melhor ataque, que pertence ao Carapeços, com 24 golos marcados, e a melhor defesa, que é a do Remelhe, com um score de apenas quatro golos sofridos! Estas duas formações defrontar-se-ão na próxima jornada.

Nessa jornada, destaco os seguintes jogos: Oliveira-Leões, Cossourado-Macieira, Carvalhal-Pedra Furada, Silva-Leocadenses e o Carapeços-Remelhe.



Na 2ª divisão, o líder Sequeade (22 pontos) voltou a não conseguir vencer! Empatou a um frente ao último classificado, o Cristelo (6 pontos).

Com este resultado, quem aproveitou para encurtar distâncias foi, claro está, o Lijó, que continua invicto, no 2º lugar (20 pontos e menos um jogo), e foi a Milhazes vencer por 1-3.

Da mesma forma, e a encurtar a distância, está o Fonte Coberta (3º lugar, 18 pontos), que também com menos um jogo realizado, venceu pela margem mínima (3-2) o Cambeses (12º lugar, 7 pontos).

Depois da derrota na semana transacta, o São Martinho (3º, 18 pontos) voltou às vitórias. Levou de vencida o Creixomil (12º, 7 pontos), por 3-0.

O Aborim (5º, 17 pontos), uma das melhores equipas a praticar futebol nesta 2ª divisão, foi a São Pedro (15º, 6 pontos) vencer por 0-1.

O Chorente (6º, 16 pontos e menos um jogo) somou a terceira vitória consecutiva. Levou de vencida, “fora de portas” a equipa do Carvalhas (15º, 6 pontos), por1-3.

As restantes equipas estão classificadas da seguinte forma: São Mamede 7º, 13 pontos; logo a seguir vem um duo: Águas Santas e Ceramistas, 8os, 11 pontos e menos um jogo; Milhazes 10º, 9 pontos; Paradela 11º, 8 pontos; Lama 12º, 7 pontos e menos um jogo; e Carvalhas 15º, 6 pontos.

Resumindo: o Sequeade tem “quebrado” nestas duas últimas jornadas! O Lijó, “perseguidor” mais direto, tem aproveitado as “escorregadelas” do mesmo, tal e qual o restante grupo “perseguidor”, Fonte Coberta, São Martinho, Aborim e Chorente. Tudo em aberto quanto à subida de divisão!

Na próxima jornada destaco o Lijó-São Martinho, Aborim-Fonte Coberta, Chorente-São Mamede. Ou seja, o líder terá folga e os seguintes 6 classificados jogarão entre si! Uma jornada que promete!

Uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís!

Por: Luís Gonçalves*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Destaques desta semana

Outubro 19, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto Por barcelosnahorabarcelosnahora

Luís Gonçalves

Olá, amigos leitores!

À passagem da terceira jornada, o destaque vai, claro está, para os campeões, Pereira, e para os Leões da Serra. Ambos somam 9 pontos, fruto das três vitórias conseguidas em outros tantos jogos.



Os campeões receberam, e venceram, o Carapeços, por1-0. Os Leões foram à Silva, um campo sempre difícil, vencer por 0-1.

Destaco, também, o Fragoso, o Remelhe e o Baluganense. Senão vejamos: Fragoso teve o segundo jogo complicado no seu reduto. O primeiro foi com o “eterno” candidato a campeão, o Carapeços, e venceu por 2-0! Desta vez, recebeu e venceu o Negreiros pelo mesmo resultado!

O Remelhe, por ter conseguido a goleada da jornada, e logo fora de portas! Venceu em Pedra Furada, por 1-6!

O Baluganense, por ter começado o campeonato da melhor maneira. Desta feita, venceu em casa o Macieira, por 2-1.

O Leocadenses somou segunda vitória, mais uma vez em casa, por 1-0 frente ao Cossourado.

Já o Macieira, tal como referido acima, sofreu a sua primeira derrota. Foi em Balugães, por 2-1.Tal e qual o Macieira, e também como referido anteriormente, o Negreiros sofreu a sua primeira derrota! Foi em Fragoso, por 2-0.

Depois de ter perdido na última jornada, o Carvalhal voltou às vitórias. Venceu em Salvador do Campo. 1-2 foi o resultado final.

O Palme é a única formação com 4 pontos. Nesta jornada, empatou em Perelhal a uma bola.

Já o Carapeços voltou a “tropeçar”! Desta vez, foi frente ao campeão. 1-0 foi o resultado final.

O Feitos conseguiu os primeiros pontos! Venceu em casa o Oliveira, por duas bolas a uma.

O Perelhal, equipa que, tal como o Feitos, subiu este ano à primeira divisão, soma dois pontos. O seu resultado desta jornada foi um empate a um com o Palme.

Na próxima jornada, destaco o Leões da Serra-Pedra Furada, o Cossourado-Pereira e o Remelhe-Baluganense.

Na segunda divisão há um líder destacado! Esse lider é o Sequeade, com 9 pontos. Desta vez, a “vítima“ foi o Aborim, que perdeu por duas bolas a zero em Sequeade.

A “morder” os calcanhares estão, logo a seguir, o Lijó e o Milhazes. O Lijó somou a segunda vitória consecutiva “fora de portas”! Venceu por 0-1, em Fonte Coberta, uma equipa que, até então, tinha duas vitórias em outros tantos jogos realizados.

A goleada da jornada foi para a equipa do Milhazes, que venceu os Estrelas por um contundente 6-1! Sete golos num só jogo é obra! Com este número de golos marcados num só jogo, o Milhazes é a segunda equipa mais concretizadora, com oito golos já “amealhados”!

Nos últimos lugares estão o Cambeses, o Cristelo e o Paradela, todos eles com apenas um ponto conquistado!

Na próxima jornada, destaco o Águas Santas-Sequeade, o Lijó-Cristelo, o Aborim-Milhazes e um “dérbi” muito “apetecível”: Os Estrelas-São Martinho.

Uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís.

Por: Luís Gonçalves*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

A bola voltou a rolar

Outubro 6, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora

Luís Gonçalves

Caros leitores,

Confesso que já estava com saudades de voltar a escrever-vos sobre o nosso futebol popular mas os campeonatos iniciaram apenas neste último fim de semana. E logo em dia de eleições! Ao que leio e ouço, a abstenção diminuiu (ainda bem), o que comprova que, se calhar, o futebol não é impeditivo para que aqueles que querem ser participantes nas escolhas democráticas deixem de o fazer. Bom…vamos mas é ao que interesse neste espaço: o futebol popular!



No passado domingo, a 1ª Divisão trouxe-nos algumas surpresas, ou pelo menos, alguns resultados mais inesperados. Houve 4 vitórias fora, 1 empate e 4 vitórias caseiras.

O campeão em título e vencedor da Supertaça deste ano, Pereira, iniciou a sua caminhada com uma vitória caseira sobre o Palme, por 1-0. É verdade que foi pela “margem mínima”, mas 3 pontos, são 3 pontos!

O 2º classificado do ano passado, Leões da Serra, também iniciou muito bem a sua caminhada, derrotando fora de casa o recém-promovido Feitos, por 1-2. Já o 3º classificado do campeonato passado, vencedor da Taça Cidade de Barcelos e finalista vencido da Supertaça, o Negreiros, também venceu fora, em Campo, por 2-3. Um jogo com 5 golos para animar o público presente!

Sendo assim, relativamente às 3 equipas mais fortes do ano passado nada de novo e de anormal. Triunfaram e estão, por tal, nos lugares cimeiros da classificação, com 3 pontos.

Um resultado que surpreendeu foi a vitória do Fragoso, outro recém-promovido, que derrotou, em casa, o 4º classificado da temporada anterior, o Carapeços. Foi, por isso, uma entrada excelente para uma equipa que inicia a sua prestação num patamar acima do do ano anterior.

Destaque, igualmente, para a goleada caseira do Carvalhal sobre o Cossourado (4-0); para a vitória tranquila do Leocadenses sobre o 5º classificado do ano passado, o Oliveira, por 3-1; para a vitória forasteira do Macieira em casa do Silva (0-1); para a boa vitória fora do Baluganense em casa do Pedra Furada (1-3); e para o empate do recém-promovido Perelhal, em casa, frente ao Remelhe (1-1).

Deste modo, há um vasto conjunto de equipas que conquistaram 3 pontos, sendo elas o Carvalhal, o Leocadenses, Fragoso, Pereira, Baluganenses, Negreiros, Leões da Serra e Macieira.

Na próxima jornada, a 2ª, destaco o Oliveira-Pereira (5º e 1º da época passada, respetivamente); o Negreiros-Carvalhal (3º do ano passado contra uma equipa que começou muito bem o campeonato); e, finalmente, o Carapeços-Leocadenses (4º do ano passado contra uma equipa que começou, também, muito bem o campeonato).



Na 2ª divisão, a bola também rolou. De destacar a presença de duas novas equipas, os Ceramistas (Galegos São Martinho) e os Estrelas de São Pedro (Vila Frescaínha São Pedro), em substituição do Silveiros e dos Águias de São Fins.

Por falar em novas equipas, que entrada no campeonato dos Estrelas de São Pedro, com uma goleada fora, em casa do Lama, por 2-5! Melhor começo não poderiam ter! Mas os Ceramistas, apesar de não terem ganho, não se podem queixar muito da sorte, pois conseguiram empatar a 1 bola em casa do Cristelo!

Tirando o Silveiros, que desistiu da competição, as outras duas equipas que desceram da 1ª divisão, o Fonte Coberta e o Sequeade, tiveram um bom começo de campeonato, com os primeiros a receberem e levarem de vencida o Creixomil (2-1) e os segundos a golearem, em casa, o Paradela (4-1)!

Quem goleou também foi a Juventude S. Martinho, que em casa levou de vencida o Carvalhas, por 4-0! Já o Aborim conseguiu, de igual forma, vencer, mas fora de portas, em Cambeses, por 0-1.

Ficam a faltar 2 jogos, que terminaram empatados. O Lijó e Chorente empataram, em casa do primeiro, a 2 bolas. Já em Milhazes, a equipa local recebeu e empatou a 1 com os Águias de S. Mamede, finalistas vencidos da Taça Cidade de Barcelos. O Águas Santas “descansou”!

Com tudo isto, e porque ainda era a 1ª jornada, há um grupo de equipas nos lugares cimeiros da classificação, com 3 pontos, sendo elas Juventude S. Martinho, Estrelas S. Pedro, Sequeade, Fonte Coberta e Aborim.

Para a próxima jornada, destaco o Estrelas de S.Pedro-Sequeade (nova equipa nesta divisão, que começou muitíssimo bem o campeonato, contra um recém-despromovido da divisão maior…e que também iniciou muito bem); o Águias S.Mamede-Juventude S.Martinho (finalista da Taça Cidade de Barcelos contra uma equipa que iniciou o campeonato com goleada caseira); e o Águas Santas-Cambeses (por ser o jogo de estreia dos da casa). Os Ceramistas “descansarão”!

E pronto, por hoje é tudo sobre as nossas duas divisões do Futebol Popular de Barcelos. Espero que tenham gostado da leitura e que continuem a seguir-nos neste espaço.

Uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís.

Por: Luís Gonçalves*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

1ª Divisão “ao rubro”

Maio 12, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora

luisgoncalves
Luís Gonçalves

Olá, caros leitores!

Antes de mais, peço desculpa por esta semana escrever um pouco menos e, por isso, por vos dar menos notícias sobre o futebol popular do nosso Concelho mas, infelizmente, estou no boletim de lesionados, estando a fazer trabalho de recuperação.

Bem, depois desta analogia futebolística – em jeito de brincadeira –, vou entrar naquilo que me (e vos) traz aqui: o futebol popular.

Na 1ª divisão, foi mais um fim de semana “recheado” de resultados “fora do normal” e surpreendentes! Para já, em 9 jogos, 5 vitórias fora, 2 empates e 2 vitórias caseiras!

A vitória fora mais surpreendente, ou a derrota caseira – caso prefiram, foi a conseguida pelo Cossourado, em casa do atual líder do campeonato – e campeão em título –, os Leões da Serra. Como se não bastasse a derrota do líder, o jogo teve um score de golos quase “fora do normal”: 9 golos apontados, sendo que 4 foram para os da casa e 5 para os forasteiros! Os Leões continuam com os resultados menos conseguidos das últimas jornadas, ficando apenas com 1 pondo de vantagem para o 2º classificado. Já o Cossourado está em 7º.

O 2º classificado, Pereira, conseguiu, desta feita, aproveitar melhor o deslize do líder, com uma vitória caseira, por 1-0, frente ao 5º, o Oliveira.

Quem conseguiu, igualmente, aproximar-se do lugar cimeiro da classificação foi o 3º classificado, Negreiros, que foi a Remelhe (9º) derrotar os da casa, por 0-1, ficando, agora, a 3 pontos do líder Leões.

Ou seja, com 3 jornadas pela frente, e com 9 pontos em disputa, os 3 primeiros estão, claramente, a lutar pelo título, sendo que há, como referi antes, apenas 1 ponto de diferença entre o 1º e o 2º, e 3 pontos entre o 1º e o 3º (2 pontos entre o 2º e o 3º)! Isto está mesmo “ao rubro”!

Outro aspeto que quero realçar são os 8 golos no Fonte Coberta – Campo (2-6 para os forasteiros) e os 6 golos no Sequeade – Silveiros (4-2 para os da casa). Fonte Coberta que está matematicamente na 2ª divisão.

O Silveiros, porque se encontra a 9 pontos do Palme (relembro que estão 9 pontos em disputa) e tem desvantagem no confronto direto (empate em casa, derrota em Palme) também já está despromovido à 2ª divisão.

Já o Baluganense está a 1 ponto do Palme, o primeiro acima da “linha de água”. Aliás, matematicamente, só os clubes colocados nas primeiras 5 posições é que podem dizer que estão “a salvo” da descida. Depois, do Silva (6º, 43 pontos) para baixo, até ao Baluganense (16º, 35 pontos), há uma diferença de menos de 9 pontos. Logo, todos os clubes colocados nas posições que medeiam estas 2 podem juntar-se a Silveiros e Fonte Coberta. Até aqui está tudo “ao rubro”!

Para a próxima jornada (32ª), destaco os jogos: Carvalhal – Leões da Serra; Pedra Furada – Pereira; Negreiros – Silva (estes para a disputa do campeonato); Campo – Baluganense e Palme – Sequeade (4 equipas que se encontram em “confronto direto” pela “escapatória” à descida e em lugares seguidos; o Carvalhal, que está nessa “luta” também, recebe o líder).




Na 2ª divisão, com a questão das subidas resolvida, falta saber quem será o campeão! Se o 3º, Perelhal, já não consegue lá chegar (está a 11 pontos do 1º, com 9 em disputa), já o Feitos (a 4 pontos do 1º) pode ainda aspirar ao título, destronando o líder Fragoso. Ou seja, é esta luta que vai, ainda, “acendendo as hostes” da 2ª divisão. Saliento, no entanto, que na 33ª há um Fragoso – Perelhal (1º contra o 3º) e que o Feitos já só pode conquistar 6 pontos (“descansa” na última jornada)!

Sendo assim, o líder Fragoso recebeu, e levou de vencida, o Milhazes, pela diferença mínima: 2-1. Tem, agora, 70 pontos.

O Feitos, 2º classificado, recebeu, e venceu, o Aborim, por 1-0, ficando com 66 pontos.

O 3º classificado, Perelhal, foi a Lijó, de onde saiu derrotado por 1-0. Tem, neste momento, 59 pontos, ou seja, está a 11 do 1º e a 7 do 2º.

Ao contrário do sucedido na jornada da 1ª divisão, na desta, as vitórias caseiras foram o mais constante (5), com 1 empate e 2 vitórias forasteiras. Também aqui não houve “chuvas” de golos como nalguns dos jogos da 1ª. O jogo com mais golos (4) foi o Águas Santas – Juventude de S. Martinho, com vitória dos da casa por 3-1.

Na próxima jornada, destaco os jogos: Águias de S. Mamede – Fragoso e Juventude de S. Martinho – Feitos (por causa da luta pelo título) e o Perelhal – Cambeses (porque os da casa ainda “aspiram” ao 2º lugar).

E por hoje é tudo!

Uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís!

Por: Luís Gonçalves*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)



30ª jornada

Maio 5, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora

luisgoncalves
Luís Gonçalves

Olá, amigos!

Faltando apenas quatro jornadas, e estando doze pontos em disputa, os Leões (1°) voltaram a “quebrar”, empatando a zero em Salvador do Campo. Mesmo assim, foi um ponto “saboroso”, pois fez com que os campeões em título aumentassem de três para quatro os pontos que têm de vantagem sobre o Pereira.

O Pereira (2°), não aproveitou o deslize dos Leões, perdendo em Negreiros por 2-0. Deixou, dessa forma, fugir uma oportunidade de se aproximar dos Leões da Serra.

Com isto, quem aproveitou os deslizes dos dois primeiros foi o Negreiros (3°), que venceu o adversário direto, por 2-0, reduzindo de 8 para 6 os pontos que o separa dos Leões e de 5 para 2 os pontos que o separa do Pereira.

O Oliveira (4°) não foi além de um empate caseiro, frente ao Leocadenses, por 1-1.

Já o Carapeços (5°) também desperdiçou uma oportunidade de se aproximar do Oliveira, no 4° posto, empatando a dois com o Palme.

O Silva subiu um lugar, depois de ter vencido em Cossourado por 1-2. Encontra-se num lugar confortável: 6°.

Remelhe (7°) baixou um lugar, em troca com o Silva, tendo sido goleado em Carvalhal por uns expressivos 6-1.

O Cossourado perdeu no seu reduto com o Silva, por 1-2, mantendo o 8° lugar. Recordo que o Conselho de Disciplina, no jogo Leocadenses-Cossourado, atribuiu três pontos ao Cossourado. O facto que levou a essa decisão foi o Leocadenses ter utilizado um jogador que sido admoestado já com cinco cartões amarelos e, consequentemente, não poderia jogar esse jogo.

Em “parceria” com o Cossourado, no 8° lugar, está, ironicamente, o Leocadenses, que foi a Oliveira empatar a uma bola.

O Macieira (10°) perdeu, e logo com uma goleada, frente ao Silveiros. 4-1 foi o resultado final. A equipa de Macieira de Rates era a 2ª melhor defesa do campeonato.

A fazer companhia neste lugar está o Pedra Furada, que recebeu, e venceu, o Sequeade por 3-2.

O Carvalhal subiu três lugares! Ocupa, agora, o 12° lugar, depois de ter recebido, e vencido, o Remelhe por 6-1, nesta que foi a goleada da jornada.

Baluganense (13°) empatou a um, em casa, com o “aflito” Fonte Coberta. Os homens de Balugães não perdem há 7 jogos.

Já o Palme baixou um posto. Está no mesmo lugar do Baluganense mas nesta jornada conseguiu um ponto, fruto do empate a dois em Carapeços.

O Campo (15°) baixou um lugar. Ainda assim, conseguiu um ponto “saboroso”, empatando com o primeiro, os Leões, a zero.

Sequeade (16°) perdeu em Pedra Furada, por 3-2. Não vencem há cinco jogos!

Em 17° está o, até esta jornada, “lanterna vermelha”, Silveiros, que recebeu, e venceu, com um resultado surpreendente, por 4-1, o Macieira.

O 18° é ocupado pelo Fonte Coberta, que empatou em Balugães a um.

Tudo em aberto quanto ao título, bem como quanto às descidas de divisão. Estas últimas quatro jornadas serão decisivas, pois do 8° até ao 16° lugar, as equipas estão separadas por apenas seis pontos, e algumas destas equipas ainda jogarão entre si.

Na próxima jornada, destaco o Leões da Serra-Cossourado, Pereira-Oliveira, o “dérbi” Remelhe-Negreiros e o Sequeade-Silveiros.




Na segunda divisão, o Feitos foi às Carvalhas vencer por 0-4, consolidando a subida de divisão, algo inédito para este clube. O mesmo feito foi conseguido pelo Perelhal, que recebeu, e venceu, o Lama por três bolas a zero. É um regresso à divisão maior do futebol popular de Barcelos. Desde já, quero felicitar estas duas equipas pela subida de divisão. Os meus parabéns!

O Fragoso já tinha assegurado a subida de divisão, mas, mesmo assim, não se fez de rogado, recebendo, e vencendo, o Creixomil por uns expressivos 3-0.

Outro jogo que despertava interesse era o São Mamede-Lijó, em que a equipa de Vilar do Monte levou a melhor, vencendo por uma bola a zero.

Nesta divisão, agora que sabemos os três clubes que sobem à 1ª divisão, fica apenas expectável saber quem será o campeão.

Ainda assim, destaco, na próxima jornada, os seguintes encontros Fragoso-Milhazes, Lijó-Perelhal, Feitos-Aborim – Feitos que é a única equipa sem perder em casa esta época! – e, finalmente, o Águas Santas-São Martinho.

Uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís!

Por: Luís Gonçalves*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Abril 28, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora

luisgoncalves
Luís Gonçalves

Olá, amigos!

Depois de um interregno no campeonato, para se jogar as meias-finais da Taça, em que o São Mamede é uma das equipas finalistas, depois de ter vencido em Pedra Furada por 1-3, um feito inédito para a equipa de Vilar do Monte.

A outra equipa é o Negreiros que estará pelo 2° ano consecutivo na final. Esta equipa recebeu, e venceu, o Silveiros por 2-0.

Parabéns aos finalistas!

Depois da paragem, jogou-se uma jornada dupla.

No sábado e na terça-feira, feriado nacional, em que os Leões, mais uma vez, não conseguiram vencer em casa! Desta feita até perdeu, frente ao Baluganense. 1-2 foi o resultado final. Ainda assim, têm uma diferença de três pontos para o Pereira, que não aproveitou a derrota dos Leões e empatou a zero, frente ao Carvalhal. Mesmo assim, reduziu a desvantagem pontual.

O Negreiros mantém a diferença de oito pontos para os Leões.

O destaque destas jornadas vai inteirinho para o Baluganense, que venceu os dois últimos jogos, tendo empatado os quatro anteriores. Ou seja, nos últimos seis jogos fez 10 pontos, dando, cada vez mais, esperança à luta pela permanência.

O Palme também venceu os dois últimos jogos e, tal como o Baluganense, também está na luta para permanecer no escalão maior do futebol popular.

As cinco últimas jornadas serão, por isso, decisivas, quanto ao título bem como à descida de divisão. Senão vejamos: do 7° lugar (Silva) até ao 14° (Sequeade, Campo e Carvalhal), a diferença pontual é de apenas seis pontos!

Ao rubro é como está este campeonato! Na próxima jornada, destaco o Campo-Leões da Serra e o Negreiros-Pereira.




Na 2ª divisão: desde já, felicito o Fragoso, pois está de volta à primeira divisão! Parabéns G.D. Fragoso!

O Feitos poderá, na próxima jornada, também festejar a subida. Para isso, terá que vencer na casa do Carvalhas e, com isso, conseguir um feito inédito para o clube.

O Perelhal perdeu (2-0) nos Feitos. No jogo anterior, Perelhal-Águas Santas, o jogo foi interrompido já perto do final da partida. Naquela altura, o jogo encontrava-se 4-2 para os homens de Perelhal.

Nesta 29ª jornada, dos oito jogos realizados, sete equipas venceram no seu reduto e apenas uma, o Creixomil, venceu fora de portas! 0-2, em Cambeses.

Nesta jornada, o principal destaque vai para o Lijó, que somou a 5ª vitória consecutiva! Levou de vencida a equipa do Milhazes. 3-1 foi o resultado final. Excelente 2ª volta que estão a fazer os homens de Lijó!

Na próxima jornada, destaco o Carvalhas-Feitos, Perelhal-Lama e o São Mamede-Lijó.

Uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís.

Por: Luís Gonçalves*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)



Abril 14, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora

luisgoncalves
Luís Gonçalves

Olá, amigos!

Que jornada esta a que se jogou este fim de semana, na 1° divisão! Apenas uma equipa venceu em casa, registaram-se quatro empates e quatro vitórias “fora de portas”.

Começo por uma dessas vitórias, em que o Carapeços saiu vencedor (1-3) de Airó. Isto prova, mais uma vez, que os campeões têm tido muitas dificuldades para vencer os jogos em casa e, pelo quarto jogo consecutivo, isso aconteceu.

O Pereira (2°), que jogou em casa, poderia ter aproveitado melhor o “escorregão” dos Leões mas não foi além de um empate (1-1) com a equipa de Salvador do Campo.

O Negreiros (3°) foi a Macieira empatar a zero. Manteve a diferença pontual para o Pereira, 5 pontos, e reduziu de 9 para 8 os pontos que o separa dos Leões.

Oliveira (4°) foi a Palme vencer (0-3), consolidando o quarto lugar e reduzindo de 6 para 4 os pontos que o separa do Negreiros. Não perdem há sete jogos!

O Carapeços (5°) venceu em Airó os Leões (1-3) e encurtou distâncias. Está apenas a 5 pontos do Negreiros. Somou a segunda vitória consecutiva.

Silva (6°) subiu uma posição, depois do empate conseguido (0-0) frente ao Fonte Coberta.

No mesmo lugar está o Cossourado que perdeu com o Leocadenses (3-0). Nas últimas jornadas não marcaram muitos golos mas, ainda assim, são o 2° melhor ataque, com 48 golos marcados.

Já o Remelhe somou o segundo empate consecutivo, ao receber e empatar com o Baluganense a um. Ocupa o 8° lugar.

A partilhar este lugar está o Macieira. Recebeu e empatou a zero com o Negreiros e é, a par do Leocadenses, a 2ª melhor defesa, com apenas 26 golos sofridos.

O Leocadenses (10°) recebeu, e venceu, o Cossourado por três bolas a zero. Foi a única equipa a vencer em casa.

No mesmo lugar, encontra-se o Pedra Furada, que, pela primeira vez nesta segunda volta, venceu. Foi em Silveiros (2-3).

O Sequeade (12°), ao cabo de seis jogos sem perder, “vacilou” no seu reduto, perante o Carvalhal (1-2). Carvalhal (13º) que, assim, mantém a posição, somando três pontos preciosos rumo à fuga de descida de divisão.

Campo (14°) empatou em Pereira (1-1) e mantém-se um ponto acima da “linha de água”.

Palme (15°) perdeu em Oliveira e encontra-se numa situação complicada na classificação. Soma a quarta derrota consecutiva.

O Baluganense encontra-se na mesma posição e empatou em Remelhe, a um. É a equipa que tem o pior ataque com apenas 28 golos marcados.

Fonte Coberta empatou na Silva, a zero, e ocupa o 17° lugar, somando o segundo empate consecutivo. Há oito jogos que não vence!

O Silveiros ocupa o último lugar. Voltou a perder, desta feita por 2-3, perante o Pedra Furada. Torna-se cada vez mais difícil a manutenção.

A luta pelo título continua uma “batalha” interessante, sendo que o Pereira encurtou a distância pontual de 5 para 4 os pontos que os separam dos Leões da Serra, os campeões em título. Na luta pela manutenção, do 10° até ao 15° lugar, a diferença são apenas 6 pontos. Na próxima jornada, destaco o Fonte Coberta-Leões da Serra e o Cossourado-Pereira.




Na 2ª divisão, os empates não existiram! Seis das equipas que jogavam em casa venceram os respetivos jogos e apenas duas venceram “fora de portas”.

O Perelhal (agora 2°) tinha uma deslocação difícil e assim foi! Perdeu (1-0) em São Martinho. Com este resultado, perdeu, também, a liderança para o Fragoso (agora 1°), que recebeu, e venceu, o Paradela (3-2).

O Feitos (3°) também venceu em casa (2-0) o Milhazes (15°). Continua 12 pontos à frente do São Martinho.

O Águas Santas (5°) recebeu, e venceu, o São Mamede (7°) por 3-1.

O Lijó, com uma goleada de 4-0 subiu ao 6° lugar. A vitória foi perante o Cristelo (9°), que sofre a segunda goleada consecutiva.

Lama (8°) recebeu o Creixomil (10°) e aplicou a terceira goleada consecutiva. 3-0 foi o resultado final.

Na parte inferior da tabela, o Chorente (13°) voltou às vitórias, desta vez, “fora de portas”, em Cambeses. Venceu (1-2) e foi uma das duas equipas a vencer fora.

A outra equipa a vencer “fora de portas”, foi a equipa das Carvalhas (17º), em Aborim (12°). Venceu por 0-1 e somou a segunda vitória consecutiva fora de casa.

A “luta” continua, sendo que a diferença pontual entre o Feitos e o São Martinho é de 12 pontos, faltando apenas seis jogos para o término do campeonato. Ou seja, há 18 pontos em disputa.

Na próxima jornada, destaco os jogos Chorente-Fragoso, Perelhal-Águas Santas, São Mamede-Feitos e Carvalhas-São Martinho.

Uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís!

Por: Luís Gonçalves*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)



Março 24, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora

luisgoncalves
Luís Gonçalves

Olá, amigos!

Mas que jornada esta que se jogou este fim de semana, tanto a nível de resultados, como de classificações!

Senão vejamos: cinco empates e quatro vitórias, todas elas caseiras!

O jogo ao qual dei destaque na semana transata acabou empatado a duas bolas. Era, sem dúvida nenhuma, o jogo em que todos nós, os apaixonados do futebol popular, colocámos toda a atenção.

O Pereira ainda esteve a vencer por dois mas, nos instantes finais, os “Leões” conseguiram chegar ao empate a dois. Mais uma vez em que os “Leões” conseguem dar a volta ao marcador já nos descontos! Já diz o velho ditado: “não há campeão sem sorte”! Será isto um presságio para a vitória final no campeonato? Com este resultado, tudo se manteve igual: vantagem de cinco pontos dos “Leões” sobre o Pereira.

Quem aproveitou para encurtar distância pontual foi o Negreiros, que venceu a sempre difícil equipa do Pedra Furada, por duas bolas a uma. Ainda assim, a equipa de Negreiros está a oito pontos do “Leões da Serra”.

Em quarto lugar está, agora, o sensacional Cossourado, que está a fazer, sem dúvida nenhuma, uma segunda volta sublime, onde já somou 13 pontos e é o segundo ataque mais concretizador, com 46 golos marcados.

Com isto, quem baixou um lugar na tabela classificativa, foram Oliveira e Carapeços, que jogaram entre si e empataram a um golo, no reduto do Oliveira. Partilham o 5° lugar.

O Remelhe voltou a perder, desta vez contra a equipa do Silva, por uns expressivos 4-1. Mantém o 7° lugar mas vê a equipa do Silva (8°) aproximar-se e a ficar, assim, a um ponto de distância.

O Macieira perdeu frente ao Campo, por duas bolas a uma, e mantém o lugar.

No mesmo lugar está o Pedra Furada, que também perdeu, por 2-1, em Negreiros.

O Leocadenses também quis juntar-se ao Macieira e Pedra Furada, depois de ter empatado em Fonte Coberta a uma bola. Todos eles se encontram no 9° lugar.

Na jornada anterior, Carvalhal (12°) e Sequeade partilhavam o mesmo posto. Esta jornada não foi exceção. O Carvalhal foi empatar a zero em Silveiros e o Sequeade empatou em Balugães, a um.

O Campo recebeu, e venceu, o Macieira, por 2-1, conseguindo, assim, três pontos bastante importantes para fugir à despromoção.

O Palme, que na jornada anterior conseguiu três pontos importantíssimos ao vencer o Campo, esta semana claudicou e perdeu em Cossourado por 2-1.

O Baluganense empatou no seu reduto, a um, frente ao Sequeade e somou, assim, mais um ponto precioso rumo à manutenção. Campo, Palme e Baluganense ocupam o 14° lugar, com 25 pontos.

O Fonte Coberta empatou a um frente ao Leocadenses e mantém-se no 17° lugar, com 22 pontos. Não vence há cinco jornadas consecutivas.

O Silveiros tem conseguido amealhar pontos e, nesta jornada, somou mais um. Empatou a zero em Carvalhal, mantendo, no entanto, o último lugar.

Na próxima jornada destaque claro está no Remelhe-Leões, Pereira-Fonte Coberta e no Silveiros-Negreiros. Serão jogos entre equipas que lutam pelo título e pela fuga à descida de divisão. Ressalvo que o Remelhe encontra-se numa situação confortável na tabela classificativa.

Na 2° divisão, os empates (4) foram o “prato forte” desta jornada, além de duas vitorias caseiras e duas forasteiras.

Um jogo que prometia muito era o Chorente-Feitos, por diferentes razões. O Feitos, que está na luta pela subida, ocupava o 2° lugar mas deixou-se ultrapassar e, assim, descer para 3°. O Chorente, que tem feito uma 2ª volta de “se lhe tirar o chapéu”, não perde há 5 jogos e foge aos lugares mais indesejados. O resultado foi um empate a dois, num jogo em que os nervos estavam à “flor da pele”! O Chorente acabou o jogo com 8 elementos em campo!

Quem aproveitou com isto foi o Fragoso, que recebeu, e venceu, o Cambeses por uns expressivos 4-1, encostando-se ao Perelhal (menos um jogo), que folgou nesta jornada, e partilham, agora, o 1° lugar.

O São Martinho, que estava numa fase menos boa, voltou às vitórias, desta feita em Creixomil, um terreno sempre difícil de se vencer. Mantém o 4° lugar, mas, ainda assim, a 13 pontos do Feitos.

Outro jogo que suscitava todo o interesse era o Cristelo-Águas Santas. Cristelo tem sido, sem dúvida nenhuma, a equipa que tem feito “mossa” às equipas que se encontram no topo, e não só. O Águas Santas tem subido a “olhos vistos” e já ocupa o 5° lugar.

O São Mamede perdeu em casa com o “lanterna vermelha” Carvalhas. Esta foi a 1ª vitória dos homens das Carvalhas fora de portas e logo com uma equipa que vai nos lugares de cima da tabela.

Destacar, também, a vitória do Paradela, por 5-0, sobre a equipa do Lama.

Na parte inferior da tabela tudo se mantém.

Na próxima jornada, destaco o jogo Feitos-Cristelo

Uma semana feliz, vos deseja o amigo Luís!

 

Por: Luís Gonçalves*

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Ir Para Cima