Tag archive

Gil Vicente FC - page 36

E ao colinho a criança vai crescendo!

Maio 18, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
Hugo Pombal Lopes
Hugo Pombal Lopes

E consumou-se o tão pretendido tetracampeonato pelo Benfica!

Há quem queira reduzir esta merecida conquista, encobrindo com argumentos de passadas conquistas. Pessoas essas que abominavam tais considerações quando eram feitas ao contrário. Mas temos que nos saber adaptar e cada um usa as “armas” que pode.

Estou satisfeito por poder comemorar o presente, que tem sido risonho, e um futuro que se perspetiva, igualmente, feliz!

Sim, porque a vitória está muito para além do campeonato. Está, para mim, na retoma de tudo o que envolve a entidade Benfica, desde a estrutura à efetiva conquista de títulos nas mais diversas modalidades, enaltecendo, e já aqui o fiz, que a própria comunicação de clube é mais assertiva, mais focada no discurso “para dentro”.

Fazendo uma consideração final quando terminar o campeonato, aproveito para fazer um apontamento ao jogo com o Vitória de Guimarães.

Pensou-se que o Benfica iria ceder à pressão de ter que vencer o campeonato em casa e que isso faria adiar a consagração para a última jornada.

Contudo, a equipa venceu de forma contundente e categórica, realizando das exibições mais bem conseguidas do campeonato.

Diminuiu o Vitória de Guimarães, por mérito próprio, que nem chegou a entrar no jogo tendo em conta a capacidade de gestão do Benfica, quer com ou sem bola.

Não tinha intenções de ressalvar individualidades. No entanto, acho pertinente fazer menção ao jogo realizado pelo Pizzi, que apareceu no espaço vazio (que é o que se lhe pede) e jogou mais à frente daquilo que tem vindo a fazer nos últimos jogos. Para o ano, mais disto, se faz favor!




O nosso (porque tem que ser nosso, no bom e no mau momento) Gil Vicente sofreu uma derrota pesada diante do União da Madeira, que não se previa.

Estou confiante que o bom trabalho que vinha a ser feito, vai ser continuado, e esperemos que para o ano seja mesmo o ano de subida!

Aproveito para parabenizar todos os portugueses que também se sagraram campeões lá fora.

É a prova do valor que temos neste país pequeno, que nem sempre valoriza a “matéria-prima” que tem!

Continuação de uma ótima semana!

Cumprimentos.

Por: Hugo Pombal Lopes*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Parabéns ao Benfica!

Maio 18, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
José Queirós
José Queirós

Esta semana gostaria de endereçar os parabéns ao tetracampeão nacional que, na minha opinião, acabou por vencer bem este campeonato, apesar de algumas vicissitudes ocorridas ao longo do mesmo.

Desilusão é a palavra correta para o campeonato que o Sporting fez! Espero, e desejo, que quer o presidente, quer o treinador, tenham aprendido com os erros e que estes sirvam de lição para a época que se avizinha.

Já há contratações anunciadas para o Sporting. Outras virão, com certeza, para colmatar algumas lacunas que o plantel tem, sendo por demais evidentes em largos períodos da época. Vamos aguardar, restando ao Sporting não repetir as duas últimas exibições, para se despedir com mais dignidade perante os seus adeptos, que foram incansáveis ao longo da época, sem que daí tenham retirado quaisquer dividendos.

O terceiro lugar acaba por castigar, quer nesta época, quer na próxima, devido à pré-eliminatória da Liga dos Campeões que, como se sabe, irá disputar-se com a Taça das Confederações a decorrer e, por isso, o Sporting não poderá contar com grande parte dos principais jogadores. Outra “dor de cabeça” para a estrutura sportinguista!




O Porto foi outra desilusão e já se pode dizer, com toda a propriedade, que o poder do futebol mudou de ares e com ele criou-se um novo ciclo, porque quatro anos sem ganhar absolutamente nada pode levar o clube para um vazio difícil de ultrapassar.

O Gil Vicente sofreu pesada derrota na Madeira e acaba este campeonato a pensar na subida, devido ao caso Mateus. Julgo que ainda não será na próxima época. Temos que aguardar.

Saudações leoninas!

Por: José Queirós*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Barcelense Tuck pode estar a caminho do Gil Vicente

Maio 17, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Numa notícia avançada pelo portal zerozero.pt, o barcelense Tuck poderá estar perto de assinar pelo Gil Vicente. O treinador terminou o seu contrato com o Sacavenense, do Campeonato de Portugal (antiga 2ª divisão B). No clube de Sacavém conseguiu vencer a Série G mas não conseguiu, no entanto, garantir a subida à Ledman LigaPro (2ª Liga).

Aliás, o próprio Sport Clube Sacavenense anunciou o término da ligação entre o clube e Tuck, em comunicado na página oficial do Facebook, onde o clube esclarece que não conseguiram chegar a acordo com Tuck para renovação de contrato.




João Carlos Novo de Araújo Gonçalves, conhecido no futebol por “Tuck”, é natural de Barcelos e tem 47 anos. Iniciou a carreira como treinador nos juniores A do Belenenses. Passou, depois, por Sintrense, Loures, Casa Pia, Sertanense e Sacavenense.

Como jogador, em seniores, passou pelo Prado, Gil Vicente (9 anos, entre 89/90 e 97/98) e pelo Belenenses (7 anos, entre 98/99 e 04/05), clube onde terminou a carreira de futebolista profissional.

Se se confirmar esta notícia avançada pelo zerozero, será um “regresso a casa” de Tuck. Poderá implicar, todavia, a saída de Álvaro Magalhães do comando técnico do Gil Vicente.

Vozinha, do Gil Vicente, com interessados de Espanha e Portugal

Maio 12, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

De acordo com o jornal Record, o internacional cabo-verdiano Vozinha, do Gil Vicente, poderá estar “debaixo de olho” do Levante (Espanha), Paços de Ferreira, Boavista e Belenenses.

O número impressionante de penáltis defendidos por Vozinha, oito, têm surpreendido o “mundo do futebol”, mesmo além-fronteiras, e o valenciano Levante terá já mostrado interesse em contratar o guarda-redes do Gil Vicente. O emblema de Valência, que já garantiu a subida à primeira divisão de Espanha, deseja contratar um “concorrente” para Raúl Fernández.




Josimar Dias, conhecido no futebol por Vozinha, tem 30 anos, conta 35 internacionalizações por Cabo Verde e antes de se transferir para Barcelos, num contrato de dois anos com o Gil Vicente, representou o Zimbru, da Moldávia.

Imagem: Facebook de Vozinha.

Bronca

Maio 11, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
josé-queirós
José Queirós

Com o título a poder ser garantido na próxima jornada, o Benfica prepara-se para ser “tetra” pela primeira vez na sua história. Com muita felicidade e ajuda, mais uma vez, lá venceu em Vila do Conde.

O Porto, mais uma vez, voltou a empatar e só se pode queixar de si mesmo, pois teve imensas oportunidades para retirar o título ao Benfica e nunca as soube aproveitar, o que demonstra falta de “estofo de campeão”. Um problema que se poderá perpetuar!

O meu Sporting derrapou, de forma inesperada, e foi, surpreendentemente, derrotado como há muitos anos não se via. Catalogou o presidente de deprimente a exibição naquele domingo, ao início da tarde. De facto, não há desculpas para uma exibição paupérrima, aliada a erros infantis, que foram determinantes para o resultado final.

Há que retirar ilações desta, e de outras exibições, para na próxima época não se cometerem os mesmos erros. Houve muitos erros, quer na elaboração do plantel, quer nas abordagens em alguns jogos, em que a displicência foi evidente, principalmente ao nível da concentração!




A “papel químico” foi o jogo do Gil Vicente, que também esteve a vencer por 1-0 e, nos minutos finais, acabou surpreendido e derrotado por 3-1. Também aqui, há que rever alguns aspetos que a nova direção terá que solucionar.

Saudações leoninas!

Por: José Queirós*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Maio 11, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
hugo-pombal-lopes
Hugo Pombal Lopes

Que bela jornada que pudemos assistir no fim de semana passado!

Já ouvi muitos gritos de “campeões” e vi algumas tarjas a dizer “reservado” mas estou certo de que se tratam de adeptos do Portimonense e do Sporting Clube de Espinho, este último, que se sagrou campeão da distrital de Aveiro. De resto, é o único “Sporting” que se digna a ganhar alguma coisa.

O Porto entrou em campo primeiro e, ao contrário do que perspectivava, Nuno Espírito Santo, que pretendia colocar pressão no Benfica, não foi além de um empate, denotando, mais uma vez, a incapacidade e o demérito que seria ver a sua equipa sagrada campeã no final do campeonato.

Felizmente, e atuando de forma a que só os vencedores o sabem, o Benfica entrou em campo, após deslize do adversário mais direto, sabendo que estava obrigado a fazer um resultado melhor. Caso contrário, o empate do Porto frente ao Marítimo seria inconsequente.

Clara, e justamente, o Benfica venceu o Rio Ave, no que eu entendia ser o jogo mais difícil desta ponta final.

Acredito, piamente, que esta vitória nos colocou no caminho – já destinado a nós – do tão merecido título.




Ainda assim, o futebol já se mostrou imprevisível, e improvável, e só me reivindico campeão quando o for de forma efetiva.

Até lá, vou, certamente, assistir a uma festa bonita na Luz para receber o Vitória de Guimarães, esperar o desenrolar natural das coisas e festejar mais uma vitória e o inédito tetra!!!

Já o nosso Gil Vicente caiu para um modesto, e inglório, 13º lugar, após 2 empates e 2 derrotas. Penso não fazer justiça à retoma na entrada para a segunda volta. Ainda assim, tem mais 2 jogos para retificar o lugar que ocupa e terminar o campeonato de forma honrosa.

Boa semana a todos!

Cumprimentos.

Por: Hugo Pombal Lopes*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

União

Maio 4, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
josé-queirós
José Queirós

Ficou definido quem vai ficar em quarto lugar (Vitória de Guimarães) depois da derrota do Braga, na “pedreira”, frente a um Sporting muito forte para final de época.

Já quanto às contas do título, a continuar assim, o Benfica será campeão! Quando digo “a continuar assim” refiro-me, obviamente, à sorte que normalmente os campeões têm! Então desta feita, frente ao Estoril, foi por demais evidente a “estrelinha de campeão”.

O F. C. Porto, sabendo do resultado do rival, não vacilou e venceu, com mérito, um Desportivo de Chaves que raramente incomodou. Faltam três jornadas para ficar tudo definido.

Definido parece estar o lugar do Sporting, que na “pedreira” voltou a demonstrar que o seu lugar seria mais acima! A exibição muito boa de toda a equipa (alguns equívocos defensivos) foi demonstrativa da união da equipa em prol do seu treinador, que passou por um momento muito difícil, com a perda de um ente querido. Excelente resposta do grupo!




Mais uma vez, vou salientar a importância de Bas Dost nesta equipa do Sporting, ao entrar para o grupo restrito de goleadores leoninos com mais de trinta golos. Para época de estreia é fantástico! Outros jogadores em destaque são Gelson Martins e Podence. Se o primeiro já nos habituou a uma bitola exibicional bem acima da média, o segundo vai confirmando tudo aquilo que se espera dele, um talento puro. Os dois juntos fazem autênticas obras de arte, com desenhos só ao alcance dos predestinados, impossíveis de ver em qualquer relvado em que não estejam presentes.

A derrota do Gil Vicente não estava nos meus propósitos, mas em nada abala a excelente segunda volta da equipa barcelense.

Saudações leoninas!

Por: José Queirós*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

Maio 4, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
vsapereira
Vítor Sá Pereira

Olá, caríssimos leitores.

Começo a minha opinião por dar os parabéns ao nosso Óquei Clube de Barcelos. É um orgulho para a cidade mais uma conquista europeia e é um prazer ver o clube, e a cidade, completamente em sintonia. Queria, também, dar os parabens à cidade por mais uma Festa das Cruzes. Adoro a nossa Festa e é maravilhoso assistir, igualmente, ao seu crescimento e o quanto mexe com a nossa economia e turismo.

Agora vou falar do meu Porto. Vencemos de forma categórica o Chaves! Pela primeira vez, o nosso “padre”/treinador acertou no onze, jogando com Soares sozinho na frente e com dois extremos e o André Silva sentado no “mocho” .

Destaco as exibições de André André, Otávio e Rúben Neves. Pela negativa, destaco a expulsão de Maxi Pereira. Por vezes excede-se e pensa que está no seu anterior clube! Ele, no Porto, é expulso com mais facilidade.




Quanto ao próximo jogo, e às nossas reais hipóteses de sermos campeões, penso que a viagem à Madeira está no top 3 dos jogos mais difíceis do campeonato e não acredito no título porque os empates contra o Setúbal e Feirense foram comprometedores. E está bem montado o circo para alguém festejar o tetra!

De qualquer forma, desejo a maior sorte ao Rio Ave (uma das melhores equipas a jogar futebol) e que o Porto traga 3 pontos da Madeira.

Termino a falar do Gil Vicente: espero que tudo se resolva em termos diretivos, que o Gil volte à Primeira Liga e que os Barcelenses regressem ao Estádio Cidade de Barcelos.

Até à proxima.

Por: Vítor Sá Pereira*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)

António Fiusa deixa o Gil Vicente no final da época

Maio 3, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto Por barcelosnahorabarcelosnahora

Segundo avança o jornal O Jogo, António Fiusa deverá deixar a presidência do Gil Vicente, para onde foi eleito há 13 anos.

Fiusa não se recandidatou nas eleições de março e Francisco Dias da Silva, presidente do Óquei de Barcelos, poderá ser o seu sucessor. “Vou deixar a presidência do clube no fim desta época, talvez ainda este mês. Há vários motivos que me levam a tomar esta decisão”, declarou Fiusa a a O JOGO.

Duarte Nuno Pinto, atual presidente da Assembleia Geral, deverá decidir o destino do clube, que, ao que consta, já se terá reunido com o Conselho Consultivo e Francisco Dias da Silva.

francisco-dias-da-silva2
Francisco Dias da Silva

Já de acordo com o Barcelos Popular, a lista liderada por Dias da Silva deverá ser apresentada na reunião do Conselho Consultivo da próxima quinta-feira, calculando-se que a nova equipa diretiva tome posse a 25 de Maio.

Entretanto, restará saber, a confirmar-se estas notícias, em que situação diretiva ficará o Óquei de Barcelos.

Imagens: Páginas Facebook do GVFC e OCB.



Demasiados erros

Abril 27, 2017 em Atualidade, Concelho, Desporto, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
sportinguista
José Queirós

Dérbi é dérbi, e um Sporting – Benfica foi, é e será sempre, o dérbi dos dérbis.

Havia enorme expectativa em relação a este jogo por toda a sua envolvência. Até o Sporting, que se tinha demarcado da luta pelo título, sabia perfeitamente que em caso de vitória, a esperança ainda preenchia o ego dos seus adeptos! Com o campeonato muito disputado, o F. C. Porto era, naturalmente, parte interessada no desfecho deste jogo.




Um jogo que não foi bem jogado, longe disso, até porque havia de ambas as partes um superior interesse mais “resultadista” do que propriamente em dar espetáculo. Com casa cheia, o Sporting entrou melhor no jogo e logo aos dois minutos poderia ter aberto o ativo, primeiro com Gelson a ser puxado por Lindelöf dentro da área e, no seguimento, Alan Ruiz a rematar em boa posição, mas a bola saiu sem a direção desejada e embateu num adversário.

Pouco depois, mais um equívoco, desta vez do guardião benfiquista, que cometeu um penalty ridículo, com o árbitro a assinalar para a marca de grande penalidade, mas esquecendo- se de mostrar o respetivo cartão amarelo ao guarda-redes, que seria o quinto e, por isso, não jogaria o próximo jogo. Muito bem Adrien, que não facilitou, e a partir do golo, o Benfica toma conta do jogo, embora sem criar oportunidades de golo. Entre o minuto 40 e o minuto 43 houve três lances na área do Sporting em que os benfiquistas reclamaram penalty, e pelo menos em dois deles com razão, mas Artur Soares Dias voltou a equivocar-se!

Na segunda parte, o jogo melhorou um pouco, havendo mais espaço, e foi o Sporting quem, por duas vezes, esteve muito perto de fazer golo, só que Bas Dost não esteve inspirado e desperdiçou – primeiro com a cabeça (aqui puxado por Nelson Semedo) e, depois, com o pé direito – a possibilidade de, provavelmente, “matar” o jogo!

Mesmo assim, pareceu-me um Sporting mais forte na segunda parte e controlava o jogo até que novos equívocos viriam a acontecer! Primeiro, a falta de Alan Ruiz não foi tão evidente como outras perto da área do Benfica que não foram sancionadas. Segundo, o livre foi marcado muito longe do local da suposta infração. Será que o árbitro se esqueceu do spray? Aquele que seria um livre muito descaído para a esquerda tornou-se num livre ligeiramente descaído para a esquerda, bem ao jeito de um pé direito soberbamente executado por Lindelöf! O empate viria a ser o resultado final, festejado pelos benfiquistas como se de uma vitória se tratasse.

Este árbitro é considerado um dos melhores árbitros portugueses, juntamente com Jorge Sousa. Muito mal vai a arbitragem portuguesa! São demasiados erros, em jogos importantes, cometidos por estes dois senhores, sempre com larga influência no resultado final. Vide os jogos de Artur Soares Dias no V. Guimarães – Sporting e Porto – Benfica.

Com Jorge Sousa, vide o jogo Sporting – Benfica! Poderia citar um sem número de jogos com erros gritantes destes, e outros árbitros, mas é a arbitragem que temos, contestada por uns, enaltecida por outros, consoante o jeito que vão fazendo, todas as semanas. Por isso, nunca haverá entendimento nesta matéria até à introdução do vídeo-árbitro, e, mesmo assim…

Quem também não aproveitou foi o Porto, também com queixas da arbitragem. Normal, até por ser reincidente! Sempre que o Benfica perde pontos, o Porto segue-lhe as pisadas! Falta de estofo de campeão, há muito perdido para os lados do Dragão.

O Gil Vicente, depois de estar a vencer por dois golos, não conseguiu segurar a vantagem perante o “aflito” Cova da Piedade! Para a próxima fará melhor.

Saudações leoninas!

Por: José Queirós*.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do/a autor/a)



1 34 35 36 37 38 40
Ir Para Cima