Tag archive

Mobilidade

“Bike Sharing” chega a Barcelos

Junho 4, 2021 em Ambiente, Atualidade, Concelho Por barcelosnahorabarcelosnahora

Durante a apresentação do painel “A bicicleta em Barcelos”, o professor do IPCA, José Baptista da Costa, apresentou a estratégia de mobilidade urbana em Barcelos, em que o “O Cérebro da Cidade Digital” e o “TUBA – um som na cidade” assumem o protagonismo, no XVII Congresso Ibérico, que Barcelos acolhe até este sábado.

A par de outros projetos, haverá a disponibilização aos barcelenses de 700 bicicletas, 500 através de um processo de partilha, denominado “Bike Sharing”, ao qual se alia o “UBike” do IPCA. Este programa irá permitir que Barcelos antecipe a meta de 10% de utilizadores regulares de bicicleta prevista na ENMAC – Estratégia Nacional da Mobilidade Ativa para as cidades, anunciou hoje a autarquia.

Em comunicado, o Município de Barcelos refere que, “o “Bike Sharing” irá possuir um sistema de localização GPS, mediante o qual as bicicletas serão desbloqueadas através de aplicativos móveis com a possibilidade de reserva antecipada.”

Para além da instalação de passadeiras inteligentes e semaforização, a cidade será dotada de sensores de contagem de peões, bicicletas e viaturas; monitorização da qualidade do ar com sensores de temperatura, humidade e pressão atmosférica, monóxido de carbono, dióxido de nitrogénio, dióxido sulfúrico, pó e ruído.

Foto:@millerthachiller|unsplash

No Dia Mundial da Bicicleta, Barcelos anunciou um investimento de 75ME na mobilidade

Junho 3, 2021 em Atualidade, Concelho, Economia Por barcelosnahorabarcelosnahora

No Dia Mundial da Bicicleta, o Município de Barcelos anunciou um investimento de 75 milhões de euros na mobilidade, a aplicar nos próximos quatro anos.

O anúncio foi feito por Miguel Costa Gomes, Presidente da Câmara Municipal de Barcelos, que classificou este investimento como “o maior de sempre do concelho na área da mobilidade”.

Presente nesta apresentação pública, Eduardo Pinheiro, Secretário de Estado da Mobilidade, defendeu: “Hoje em dia temos vários desafios pela frente, nomeadamente ambientais. As alterações climáticas já não são a discussão, a discussão deve estar centrada em como fazer e com que rapidez fazer, para alcançar a neutralidade carbónica em Portugal até 2050. Temos que pedalar rápido para atingir esta meta. Esta ação tem que ser concertada e tem de acontecer a vários níveis. A bicicleta tem de assumir um papel mais importante na mobilidade. Esta aposta tem que ser complementar à utilização dos transportes públicos, por isso este investimento de Barcelos é importante e corajoso”.

No âmbito do projeto Mobilidade de Barcelos serão desenvolvidas várias ações:

• Plano de Mobilidade Urbana Sustentável (PMUS) de Barcelos;
• Rede de Transporte Rodoviário Regular de Passageiros;
• Nova rede urbana de ciclovias em Barcelos – ciclovia circular – rede ciclável urbana segura;
• Melhoria das condições operacionais e de rebatimento entre modos de transporte em Barcelos;
• Políticas de gestão do estacionamento dentro da cidade para uma melhor qualidade de vida na cidade;
• Projeto de criação de identidade, sistema de sinalética e comunicação para a mobilidade em Barcelos – filosofia de mobilidade urbana integrada;
• Remodelação do espaço pedonal da cidade, reforçando a segurança dos peões com a instalação “passadeiras inteligentes”;
• Plano de apoio à mobilidade elétrica: 10 postos de carregamento para veículos elétricos;
• Eletrificação da linha ferroviária ;
• Centro Intermodal de Barcelos – acesso rodoviário à gare ferroviária e à central de camionagem;
• Conclusão da circular de Barcelos (nó de Santa Eugénia);
• Revisão do projeto referente à variante à END306 para uma melhor fluidez de tráfego;
• Plano de pormenor do centro hospitalar de Barcelos e variante à ER204;
• Programa de supressão e requalificação de 12 passagens de nível (PN) no concelho de Barcelos;
• Aposta na sensorização e inteligência da cidade de Barcelos.

A apresentação deste investimento decorreu na sessão de abertura do 17º Congresso Ibérico “A Bicicleta e a Cidade”, no qual, a partir de hoje e até sábado, mais de 50 oradores internacionais debatem o tema “A era da infraestrutura”.

Fonte|Foto: MB

Congresso Ibérico “A Bicicleta e a Cidade” tem nova data

Março 23, 2021 em Atualidade, Concelho, Desporto, Europa, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

O 17º Congresso Ibérico “A Bicicleta e a Cidade”, que o Município de Barcelos vai acolher, acabou adiado devido à pandemia pela Covid-19. Está agora agendado para 3, 4 e 5 de junho, e terá a sua sessão de abertura a 3 de junho, Dia Mundial da Bicicleta, decretado pela ONU, em 2018.

O congresso, que este ano se dedica ao tema “A era da infraestrutura”, propõe-se a debater sobre a mobilidade ativa. O convite para o Município receber este importante evento partiu da Federação Portuguesa de Cicloturismo e Utilizadores de Bicicleta, que divide a organização do congresso com a sua congénere espanhola, a ConBici.

Trata-se de um dos mais importantes fóruns europeus de discussão de políticas de promoção da mobilidade ciclável e realiza-se, de dois em dois anos, de forma alternada, em Portugal e em Espanha.

Fonte|Foto: MB

Secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade marca presença no lançamento da U-Bike no IPCA

Setembro 23, 2019 em Atualidade, Concelho, Cultura, Educação, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

O Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) entregou as primeiras bicicletas do projeto Cabi/U-Bike com a presença do Secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade, José Mendes.



O projeto U-Bike Portugal tem o objetivo de “promoção de hábitos mais sustentáveis de mobilidade, incentivando-se a mobilidade ciclável, através da disponibilização de bicicletas elétricas e convencionais na academia”, refere a instituição.

Na passada sexta-feira, 20 de setembro, na abertura da cerimónia de lançamento das Cabi/U-Bike, a Presidente do IPCA, Maria José Fernandes, realçou a importância deste projeto na estratégia da Instituição ao nível do Campus verde, saudável e seguro, que assume o compromisso com a proteção do ambiente e a promoção de estilos de vida saudáveis.

Nesse âmbito, adiantou que há muito que o Campus está preparado para receber este projeto, com uma ciclovia criada que percorre todo o seu perímetro e instalação de locais para o parqueamento das bicicletas. Referiu, ainda, outras medidas que têm sido implementadas em prol do ambiente, nomeadamente, a instalação de postos de carregamento para veículos elétricos e a otimização da eficiência energética dos edifícios do Campus.

O Vereador da Mobilidade da Câmara Municipal de Barcelos, José Beleza, também esteve presente no lançamento e referiu que este projeto do IPCA “não só alavancou o projeto da criação de uma rede de ciclovias na cidade de Barcelos como também solidificou a nossa confiança no que a esta matéria da mobilidade diz respeito”. Foram divulgadas três imagens da rede de ciclovias a criar na cidade de Barcelos, mostrando que os percursos abrangem zonas de interesse aos estudantes do IPCA.

A sessão terminou com a intervenção do Secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade, José Mendes, que enalteceu a iniciativa e chamou a atenção de todos os presentes: “Este lançamento acontece na véspera do relatório da Nações Unidas sobre as alterações climáticas. Um tema que diz respeito a todos e um desafio de todos”. O Secretário de Estado Adjunto referiu, ainda, algumas formas simples de, no nosso dia a dia, descarbonizar o planeta, como reduzir viagens desnecessárias e optar pela utilização de transportes públicos coletivos ou pela mobilidade suave, sendo que a percentagem de viagens de bicicleta em Portugal é de 1%, muito abaixo da média europeia, que se situa nos 7%, por isso a importância de projetos que promovam a utilização deste meio de transporte.

No final da sessão foram entregues as primeiras bicicletas a membros a comunidade académica do IPCA. Cada utilizador recebeu, ainda, um kit com equipamento de proteção e segurança (capacete, colete refletor, cadeado, entre outros), sendo que antes da sessão de lançamento foi realizada pela GNR uma ação de sensibilidade sobre Prevenção Rodoviária na Mobilidade Ciclável, onde foram transmitidas as regras e as boas práticas para circular em segurança em bicicleta.

O projeto contempla 65 bicicletas elétricas e 65 convencionais, 6 postos de carregamento de baterias, 96 estacionamentos e uma oficina self-service.

Fonte e fotos: IPCA.

Ir Para Cima