Tag archive

Sopro

Dos arrepios de Londres ao calor de Barcelos

Outubro 20, 2020 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
Christianne Daniel

Já alguma vez ouviste falar sobre alguém que pediu a demissão de um emprego que ainda está para começar? Foi uma das decisões mais loucas, mas ainda assim, emocionantes que já tomei. Há algo agradavelmente assustador em deixar tudo o que conheces para trás durante um ano. Quando tomei essa decisão, de me mudar para Portugal, durante um ano, tentei fazê-lo com o mínimo de expectativas possíveis para me permitir estar totalmente mergulhada na experiência.



Evidentemente, existem muitas diferenças entre Londres e Barcelos, sendo uma delas os preços maravilhosamente baixos do frango, que em Portugal custa 4,35€ e em Londres quase 9€; tal como podes imaginar, fiquei em êxtase. O tempo não passou de um sonho, parece a única semana de verão que temos em Londres, mas desta vez, durou um ano inteiro. Porém ao verdadeiro estilo britânico, assim que fica muito quente, eu reclamo, chamamos a isto de “Goldilocks Syndrome” – Síndrome Caracolinhos Dourados (Quando uma pessoa é excessivamente exigente quanto à procura da opção “perfeita” ou “certa” em qualquer situação, seja outra pessoa, lugar ou coisa, porque acredita que sempre terá um mar de opções para escolher). Aprendi, também, o quanto o clima afeta o meu humor, e embora tenha reclamado do calor, o sol faz-me querer aproveitar cada minuto da luz do dia e não tomá-la como garantida.

Um voluntária londrina nas “lides da terra”! (Foto: DR)

Há uma sensação completamente diferente quando vimos de uma grande cidade conhecida para uma muito mais pequena. Ao morar em Londres, segues uma rotina que consiste em dormir, comer, trabalhar e repetir este ciclo, podes acabar por nem socializar com os teus amigos e familiares. Eu passei um ano sem ver alguns dos meus amigos mais próximos por causa deste ciclo, mas em Barcelos existe um sentimento de união entre as pessoas locais. Quando o sol se põe, a família e os amigos reúnem-se e conversam acompanhados de uma cerveja ou um café. Cada vez que uso o autocarro, as senhoras mais velhas conversam com o motorista, sobre o seu dia, o clima, e como é obvio, o tópico global é…Coronavírus. Ver esta união foi lindo.

A única palavra que passou nos lábios de todos, inclusive nos meus, foi Coronavírus. Estar em Portugal, longe dos meus entes queridos durante uma pandemia foi difícil e assustador, além de que ter familiares com alguns problemas de saúde complexos foi muito preocupante para mim, e não ter nenhum familiar em Portugal foi difícil. Como o mundo parou, sou grata por ter a minha colega de apartamento e os meus amigos voluntários, é muito fácil para mim ir-me abaixo, mas mantivemo-nos ocupados e fomo-nos apoiando mutuamente. Conseguimos manter a nossa sanidade mental sã e continuamos com as risadas contínuas durante a quarentena, sendo por isso que lhes agradeço. Nunca esquecerei os meus dias de quarentena, em Portugal.

Nunca soube que Portugal tinha uma cultura de bebida tão grande, pensei que os britânicos gostavam de beber, mas estava muito enganada. Embora, quando o Portugal produz a melhor cerveja e vinho, tudo faz sentido. Quando estiveres no Norte, bebe como no Norte…Super Bock! Eu deveria ser a gerente de publicidade e entretenimento da Super Bock.

A oportunidade que tive de aprender um novo idioma foi algo que não pude tomar como garantido, apesar de todos os esforços da minha organização e das aulas de Português, tudo o que eu ainda sei é “Bom dia; Boa tarde/noite; Xau; Até já/logo/amanhã”, desculpa Elena 🙂 ! Apesar disto, a experiência que consegui adquirir é como nenhuma outra.

Christianne teve a oportunidade de apreciar belas paisagens portuguesas (Foto: DR)

No geral, a minha passagem por Portugal tem sido um montanha russa, muitos altos e muitos baixos, mas definitivamente, a melhor experiência que já tive, cheia de imensas memórias bonitas. Sempre quis morar no estrangeiro tal como trabalhar no exterior, agora eu posso, então fiz ambas as coisas. Se sonhaste, vai e vive, só não te arrependas, porque isso é pior.

Por: Christianne Daniel* (Voluntária na SOPRO, durante 1 ano, no Projeto Powerfull Volunteers)

Tradução: Ana Roriz (voluntária).

Fotos: DR.

SOPRO precisa de alimentos e voluntários

Setembro 3, 2020 em Atualidade, Concelho, Cultura, Saúde Por barcelosnahorabarcelosnahora

A SOPRO – Solidariedade e Promoção está a preparar a Campanha de Recolha de Bens Alimentares, a realizar no dia 6 de setembro, no hipermercado E.Leclerc Barcelos, durante todo o dia.



Está a angariar leite, cereais, bolachas, conservas, atum, arroz, massa, azeite, óleo, salsichas, farinha, açúcar, feijão, grão, sal, comida para bebé e artigos de higiene.

“Esta campanha de recolha de bens alimentares tem como objetivo apoiar as famílias carenciadas, que têm vindo a precisar de mais ajuda devido a toda a crise social e económica causada pelo COVID-19. Convidamos todos os possam doar nesta campanha e apelamos a todos os que possam promover em Associações, Grupos, Empresas, Escolas e outras instituições Campanhas de Recolhas de Bens Alimentares”, refere a ONGD.

Para esta campanha, a SOPRO procura voluntários que possam colaborar. Para mais informações, contactar através do número 253 837 259.

Imagem: SOPRO.

Banco de Manuais e Material Escolar da SOPRO aberto para inscrições

Agosto 27, 2020 em Atualidade, Concelho, Educação, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

A SOPRO – Solidariedade e Promoção já reabriu o Banco de Manuais e Material Escolar. Este projeto tem como objetivo incentivar a reutilização de manuais escolares e apoiar as famílias com educandos em idade escolar.



Por isso, a ONGD agradece a todos os que possam entregar na sua sede os manuais escolares de que já não precisam, para poder facilitar a troca de manuais. As famílias que se queiram candidatar a receber manuais escolares devem entrar em contacto com a SOPRO para agendar a inscrição do seu educando.

As famílias que comprovem a sua situação de vulnerabilidade, poderão candidatar-se ao kit de material escolar, que será entregue de acordo com o ano escolar do educando em causa.

A SOPRO solicita a todos que possam doar livros e manuais escolares em uso e fora de uso em Portugal, que entreguem na sua sede, já que não dispõe de serviço de recolha.

Dependo do ano e estado de conservação dos livros e manuais escolares, estes serão disponibilizados para troca, enviados para Moçambique ou entregues na reciclagem e os fundos angariados serão utilizados para adquirir material escolar para os 150 afilhados da SOPRO na Escola João XXIII, na Beira.

Para mais informações, entre em contacto através do 253 837 259.

Fonte a imagem: SOPRO.

SOPRO apoia projeto “Amor não tem idade”

Agosto 21, 2020 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo, Saúde Por barcelosnahorabarcelosnahora

A SOPRO está a apoiar o projeto de solidariedade “Amor não tem idade”, dinamizado por cinco jovens do concelho de Barcelos. Este projeto pretende dar resposta a uma dupla necessidade do concelho: primeiro, aos jovens que procuram um papel ativo na sociedade através de uma oportunidade de voluntariado contínuo. A outra vertente está relacionada com o progressivo isolamento da população idosa do concelho, que foi agravado pelo COVID-19.



Este é um projeto de voluntariado contínuo e comprometido, tendo como público-alvo os idosos que vivam sozinhos ou passem grande parte do seu dia sem companhia. O grupo de voluntários, compromete-se a fazer visitas semanais, levando uma palavra amiga, sendo mais uma resposta na luta contra o isolamento da população mais envelhecida de Barcelos. Terá ainda um papel importante na sinalização e encaminhamento de casos de necessidades e carências que de outra forma permaneceriam invisíveis.

O projeto “Amor não tem idade” é cofinanciado pela Corpo Europeu de Solidariedade e Agência Nacional Erasmus+ Juventude em Ação.

Neste momento, o projeto procura Juntas de Freguesia e Entidades que se queiram juntar, ajudando os idosos da sua comunidade. Também procura jovens para fazerem parte de este projeto de voluntariado.

Para mais informações, não hesite em entrar em contacto, através de:

João Silva: 933 301 828

E-mail: amornaotemidades@gmail.com

Facebook: https://www.facebook.com/amornaotemidade20/

Instagram: @amornaotemidade_

Imagens: DR.

Manuais e materiais escolares precisam-se

Julho 15, 2020 em Atualidade, Concelho, Educação, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

SOPRO quer apoiar mais alunos/as com manuais e materiais escolares

A SOPRO, devido à sua responsabilidade social, não quis ficar indiferente ao tempo atípico que vivemos atualmente, onde cada vez mais as famílias vivem na insegurança e no receio do amanhã.



Acredita que “pequenos gestos mudam o mundo” e que só com “pequenos gestos” como este, “teremos a certeza de que esta pandemia fez brotar o melhor que há em nós. É mais do que nunca um tempo favorável para nos deixarmos levar por valores essenciais como a educação e a solidariedade”, refere a ONGD.

Se em 2019, a SOPRO doou livros e materiais escolares a cerca de 150 famílias, possibilitando o acesso à educação através de uma rede de partilha que fomenta a solidariedade e a reutilização, em 2020 a SOPRO quer aumentar o alcance deste projeto.

Para tal, está, neste momento, a receber material e manuais escolares, novos ou usados, para que possam ser imediatamente atribuídos a estudantes com pedidos em espera na organização.

Desde sempre associada à educação para a solidariedade dos jovens, a ONGD pretende que o Banco de Material Escolar crie no aluno/a o respeito pelo livro e um forte sentido de participação cívica, diminuindo também o insucesso escolar e o risco de abandono.

A população do Concelho de Barcelos é prioritária na atribuição de manuais e material escolar, mas Agrupamentos de Escolas, IPSS e outras associações são também apoiadas neste projeto.

Fonte e imagens: SOPRO.

A SOPRO pergunta: “Gostavas de ser Voluntário na Europa?”

Julho 7, 2020 em Atualidade, Concelho, Cultura, Educação, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

A SOPRO tem vagas de voluntariado abertas para Itália, Polónia, Letónia, Alemanha, França e Hungria, para jovens com idades compreendidas entre os 18 e 30 anos.



São projetos financiados pelo Corpo Europeu de Solidariedade do programa Erasmus+, onde a viagem e os custos com o alojamento e alimentação são cobertos pelo projeto. Os participantes recebem, também, um pequeno subsídio para despesas pessoais e têm direito ao seguro europeu.

As atividades consistem em organizar eventos desportivos e clubes de Inglês, trabalhar com crianças e com idosos em Centros de Dia. O único requisito é ser sócio da SOPRO-ongd. Para mais informações, enviar e-mail com o CV para: burakcayci@sopro.org.pt .

Imagens: SOPRO.

SOPRO entrega material médico ao Hospital de Barcelos

Junho 25, 2020 em Atualidade, Concelho, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Doação no âmbito da campanha “Barcelos Co(n)vida”

A SOPRO – Solidariedade e Promoção concluiu a Campanha “Barcelos Co(n)vida”, que tinha como objetivo angariar fundos para comprar material médico para doar ao Hospital Santa Maria Maior de Barcelos, para que os profissionais de saúde consigam desempenhar o seu trabalho com o máximo de segurança.



A campanha foi promovida através dos meios de comunicação da SOPRO e conseguiu angariar, através do Facebook, doações e MBWAY, cerca de 1180€ que foram convertidos em máscaras e batas médicas.

Conseguiu comprar 800 máscaras cirúrgica de uso médico com elásticos e 100 batas de proteção Impermeável. Como não em havia stock fatos de proteção individual e caixas de luvas, optou por entregar mais máscaras nesta doação.

A SOPRO e a Hospital Santa Maria Maior de Barcelos estão agradecidos a todos os que puderam colaborar nesta iniciativa solidária. Os materiais médicos foram entregues pela SOPRO ao Hospital Santa Maria Maior de Barcelos no passado dia 22 de junho.

“Sabemos que este foi um pequeno gesto, mas na SOPRO sabemos que com Pequenos Gestos, Mudamos o Mundo!”, conclui a SOPRO.

Imagens: SOPRO.

Antonio Perri: “Aprender melhor o português e conhecer, cada vez mais, a cultura portuguesa”

Junho 12, 2020 em Atualidade, Concelho, Educação, Mundo, Opinião Por barcelosnahorabarcelosnahora
Antonio Perri

Bom dia a todos,

O meu nome é Antonio Perri e fiz voluntariado durante um ano na Associação SOPRO.



Sou italiano de Corigliano-Rossano, uma pequena cidade no litoral na região Calábria, no sul da Itália.

Se pudesse descrever a minha experiência de voluntariado, digamos, identificava quatro partes.

A primeira parte, descrevia como “o drama”, foi o momento de chegada, a saída da minha zona de conforto. Este período destabilizou-me, sendo que quando cheguei falava só italiano e a comunicação com a associação e com os colegas de casa foi difícil.

A segunda parte, eu descreveria como “adaptação”. Nesta fase, finalmente consegui fazer-me entender, consegui perceber a cultura portuguesa e aceitar a atmosfera de Barcelos, uma cidade com muita chuva, uma realidade muito diferente da minha, sendo habituado a viver numa cidade onde sempre bate o sol.

Neste período, comecei o voluntariado na Associação Humanitária de Rio Covo Santa Eugenia, que desde o primeiro momento foi uma experiência bonita. Nesta associação conheci pessoas muito simpáticas e, ao mesmo tempo, passei tempo muito precioso junto a elas. A minha tarefa era realizar o transporte dos idosos de casa para a associação e vice-versa. Durante a tarde, ajudava servir o lanche e ajudava na realização de várias atividades. Sempre que havia um aniversário, eu fazia o bolo, visto que em Itália, nos últimos anos, trabalhei como chefe pasteleiro.

Durante este período, dediquei muito tempo ao meu canal de YouTubeIn Cucina com Mago Totonno” (https://www.youtube.com/channel/UCIHrOwVeS10F61K3r-E0XGA). Se gosta de cozinhar comida italiana, recomendo que subscreva este canal.

A terceira parte, descrevo como “Descobrindo Portugal”.

Bem, como já percebeu a partir do subtítulo, nesta fase, comecei a visitar Portugal e tentei, sempre que possível, mergulhar na sociedade portuguesa e devo dizer que fiquei fascinado ao perceber como é semelhante ao sul da Itália. No verão de 2019, visitei o Algarve durante 13 dias, todos os dias eu visitava uma cidade diferente. Uma das cidades que mais gostei foi Albufeira, que tem uma costa linda e, durante a noite, transforma-se em algo único.

Outra cidade bonita é Lagos, uma cidade menos turística, mas muito bonita, com um panorama da costa de tirar o fôlego. Outro local que me fascinou em Portugal foi Sintra, uma vila extraordinária com seus castelos, todos com estilos diferentes. Quando visitei a vila, parecia que vivia num mundo encantado com uma atmosfera única.

A quarta fase pode ser descrita como “COVID-19”. No final do meu projeto, quando eu estava em dúvida em regressar a casa ou ficar e procurar trabalho, permitindo-me aprender melhor o Português. O COVID-19 forçou-me a ficar em casa segregado, em quarentena. Não consegui voltar a Itália porque a situação era bastante trágica e tudo isto deixou-me um pouco desmoralizado, também porque eu celebrei os meus 30 anos em casa, em Barcelos. Felizmente, os meus colegas de casa fizeram o melhor para passar uma noite agradável.

Neste momento, estou à procura de trabalho como pasteleiro ou como auxiliar de saúde, para aprender melhor o português e conhecer, cada vez mais, a cultura portuguesa.

Queria agradecer à minha associação italiana SIKANIE e à SOPRO por me dar a oportunidade de ter vivido esta experiência e por me apoiar em tudo durante a pandemia.

Também queria aproveitar para agradecer a todos os voluntários que conheci durante este período e que deixarão, dentro de mim, muitas memórias bonitas, que levarei comigo para sempre.

Por: Antonio Perri*. (Voluntário Europeu da SOPRO 2019/2020)

Fotos: Arquivo pessoal de Antonio Perri.

(* A redação do artigo de opinião é única e exclusivamente da responsabilidade do autor)

Campanha da SOPRO em prol do Hospital de Barcelos já com 673€ angariados

Maio 1, 2020 em Atualidade, Concelho, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

A SOPRO informa que já conseguiu angariar 673€ com a sua campanha “Barcelos CO(N)VIDA” para angariação de donativos com o intuito de aquisição de equipamento de proteção individual para ser entregue ao Hospital Santa Maria Maior, EPE, de Barcelos.



Com o valor já angariado pela campanha, já se conseguiria adquirir 11 caixas de luvas, 83 máscaras, 20 batas e 14 fatos de proteção. De relembrar que ainda faltam 1427€ para o objetivo pretendido e todas as ajudas são bem-vindas.

E quanto pode doar?

A partir de 1€, pode doar o valor que entender. A SOPRO garante que todos os fundos angariados nesta campanha serão usados exclusivamente para a campanha.

Como pode contribuir?

Através da campanha de angariação de fundos ou donativo no Facebook; por transferência bancária para o IBAN da SOPRO: (PT50) 0036 0096 99100095189 45; ou por MBWAY 965 112 738                .

Saiba mais em: https://www.sopro.org.pt/index.php/ser-sopro/donativo/covid-19 .

Imagem: SOPRO.

SOPRO e Associação Humanitária de Rio Covo Santa Eugénia criam projeto “Mão Amiga”

Abril 27, 2020 em Atualidade, Concelho, Cultura, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

A SOPRO e a Associação Humanitária de Rio Covo Santa Eugénia (AHRCSE) decidiram criar o projeto “Mão Amiga”. Este projeto consiste em visitar os utentes da Associação Humanitária de Rio Covo de Santa Eugénia, durante o período de confinamento causado pelo COVID -19.



As visitas são realizadas pela equipa técnica da AHRCSE e os voluntários Erasmus da SOPRO. Neste momento, a SOPRO tem 6 voluntários: da Argélia, Reino Unido, Jordânia, Bulgária e 2 voluntários de Itália, que decidiram ficar em Portugal e ajudar nas atividades de voluntariado da SOPRO.

Os voluntários iniciam a visita cantando o Hino da AHRCSE, oferecendo a cada utente duas máscaras cirúrgicas e conversando com cada um, dando uma palavra amiga e lembrando que não estão sós; e que é preciso ter cuidado.

Fotos: SOPRO.

1 2 3 10
Ir Para Cima