Tag archive

Taça de Portugal - page 2

Tomás Carvalho, da ACR Roriz, é 3º na Taça de Portugal de Ciclocrosse

Janeiro 1, 2020 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

O 9° lugar do Tomás Carvalho, da ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKESEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT, foi o suficiente para segurar o pódio final da Taça de Portugal de Ciclocrosse, que se disputou na última manhã de 2019, em Paços de Ferreira, uma prova onde João Martins voltou a rodar com os primeiros, acabando por terminar na 5ª posição.



Ainda em Cadetes, Diogo Carreiras, Gabriel Baptista e Guilherme Vilas Boas foram 13°, 14° e 15°, respetivamente; Afonso Luz foi 18° e Henrique Lopes 19°.

Em Juvenis, Diogo Miranda foi 2°, Gonçalo Falcão 4°, Paulo Miranda 5°, Dinis Saleiro 9°, Afonso Coelho 11° e Rodrigo Rodrigues 14°. O vencedor foi o luso-descendente César Cardoso (AC ANDORRA A), que se encontra a estagiar com a formação rorizense.

Em Juniores, apenas participaram com Lucas Braga, que foi 6° classificado.

Nos Master 40, José Ribeiro terminou na 12ª posição.

Destaque, igualmente, para os ex-ciclistas da formação de Roriz, Pedro Lopes e João Salgado, que foram 1° e 3°, respetivamente.

Terminada esta edição da Taça de Portugal, as atenções viram-se para o Campeonato Nacional, que se vai realizar a 12 de janeiro, em Vila Real.

Fotos: DR.

Paulo Fernandes, da ACR Roriz, vence em Vouzela

Dezembro 10, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Prova a contar para a Taça de Portugal de Ciclocrosse

Realizou-se em Vouzela, no passado domingo, a quarta prova pontuável para a Taça de Portugal de Ciclocrosse, que contou, mais uma vez, com a formação da ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKESEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT, tendo disputado as categorias de Cadetes, Juniores, Master 40 e a categoria de iniciação ao ciclocrosse: Juvenis.



Foi nessa categoria que o domínio dos atletas da equipa rorizense foi notório, com Paulo Fernandes, Diogo Miranda e Gonçalo Falcão a serem 1º, 2º e 3º, respetivamente.

Ainda nesta categoria, Afonso Coelho e Rodrigo Rodrigues foram 7º e 8º, respetivamente.

Nos Cadetes, a luta pelas primeiras posições esteve ao rubro, com Tomás Carvalho a ser 3º e João Martins 5º.

Ainda em Cadetes, Diogo Carreiras foi 13º, Gabriel Baptista 14º, Pedro Pinto 15º e Bruno Lopes 18º.

Em Juniores, apenas esteve presente Lucas Braga, terminando na 6ª posição. Em Master 40, José Ribeiro fechou o Top-10.

A derradeira prova da Taça de Portugal disputa-se a 29 de dezembro, em Paços de Ferreira, e será a última pontuável para o ranking final.

Fotos: DR.

Gil Vicente eliminado da Taça de Portugal pela margem mínima (1-0)

Novembro 24, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

SC Braga foi mais forte em casa

Com arbitragem de António Nobre, o Municipal de Braga recebeu o jogo SC Braga – Gil Vicente FC, a contar para a 4ª eliminatória, com a vitória a sorrir aos da casa.



As equipas alinharam da seguinte forma:

SC Braga – Eduardo, Ricardo Esgaio, Wallace, Bruno Viana, Sequeira, João Palhinha, André Horta (Wilson Eduardo, 71’), Fransérgio, Ricardo Horta, Paulinho (Rui Fonte, 71’) e Galeno (Trincão, 87’). No banco ficaram Matheus, Diogo Viana, Agbo e João Novais.

Gil Vicente FC – Denis, Fernando Fonseca, Rúben Fernandes, Nogueira, Henrique Gomes, Soares, Claude Gonçalves, Kraev, Naidji, Lourency (Lino, 61’) e Baraye. No banco ficaram Wellington, Alex Pinto, João Afonso, Arthur Henrique, Erick e Sandro Lima.

O resultado fechou logo aos 8 minutos de jogo, com um passe perdido pela defesa gilista, com recuperação do SC Braga. Galeno mete na linha para Esgaio, que centra para trás e, no interior da área, Ricardo Horta a bater inapelavelmente o guardião gilista.

O jogo teve mais Braga, com o Gil Vicente a ter alguns fogachos e ocasiões a ronda a baliza braguista. No final, 1-0 para os da casa, que seguem em frente na Taça de Portugal, com os gilistas a concentrarem, agora, as atenções nos próximos jogos da Liga NOS.

Tomás Carvalho e Paulo Fernandes, da ACR Roriz, no pódio da Taça de Portugal de Ciclocrosse

Novembro 5, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

O Parque Urbano Sara Moreira, em Santo Tirso, recebeu, este domingo, a segunda prova pontuável para a Taça de Portugal de Ciclocrosse, que contou com a presença de atletas da ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKESEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT.



O cadete Tomás Carvalho voltou a estar na discussão pela vitória, acabando por terminar no 3° posto, repetindo, assim o resultado, de Melgaço. Também em cadetes, João Martins andou sempre perto da frente da corrida, acabando por alcançar o 7° lugar. Já Diogo Carreiras foi 13°, Bruno Lopes 16°, Gabriel Baptista 19° e Guilherme Vilas Boas 20°.

Nos Juvenis, a disputa esteve acesa, com Paulo Fernandes a ser 3°, Diogo Miranda 4º, Gonçalo Silva 5°, Afonso Coelho 9° e Gonçalo Rodrigues 10°.

Em Master 40, José Ribeiro mostrou estar em crescimento de forma, rodando sempre perto do TOP 10 e acabando por alcançar a 11ª posição.

Nas contas da Geral da Taça de Portugal, Tomás Carvalho está em 3°, João Martins fecha o TOP 10 e Diogo Carreiras é 15°. Em Master 40, José Ribeiro está na 16ª posição.

A Taça de Portugal ruma, agora, a Bragança com a prova a realizar-se a 17 de novembro.

Manuel Miranda 3° no II Trail do Galo

Manuel Miranda foi, este domingo, 3° classificado na categoria M50, no 2° Trail do Galo, que se disputou em Galegos Santa Maria e percorreu trilhos das belas encostas do Monte do Facho.

O atleta percorreu o Trail Longo (22km) em 02h18m16s. No Percurso do Trail Curto (14km) esteve presente Joaquim Rodrigues, que obteve o 11° lugar em M50, com o tempo de 01h40m39s.

Fotos: DR.

Joaquim Sousa conquista 3º Ori-Pedestre de Sesimbra, em H45

Novembro 4, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

A zona de Sesimbra recebeu, a 26 e 27 de outubro, o 3º Ori-Pedestre, evento organizado pelo GDU Azoia e que contou para a Taça de Portugal de Orientação Pedestre.



Esta prova teve duas etapas de distância média (tempo entre 30 a 35 minutos para os vencedores) e foi corrida em dois terrenos completamente distintos. No sábado, a prova foi em Sesimbra, terreno com muito desnível e muita vegetação, o que dificultava a corrida dos atletas.

Já no domingo, a prova foi na zona da Lagoa de Albufeira e o terreno era de pinhal limpo, o que tornou a prova muito rápida, mas que também originou alguns erros de navegação para alguns atletas (o que não foi o caso de Joaquim Sousa).

A correr em H45 e a representar o Clube de Orientação do Centro – Leiria, o barcelense Joaquim Sousa venceu as duas etapas e o respetivo troféu, somando assim mais 200 pontos para o ranking final da Taça de Portugal.

Em nota, Joaquim Sousa deixou o seu “muito obrigado pelo apoio à Serfisio Barcelos e à Escola Pé de Dança.”.

Imagens: DR.

Orientação: Amigos da Montanha com pódios em Sesimbra

Outubro 28, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

A equipa de Orientação dos Amigos da Montanha (AM) participou, no passado fim de semana, em Sesimbra, em mais duas etapas da Taça de Portugal.



Os atletas dos AM tiveram uma prestação muito positiva. Em H16, Rodrigo Lima subiu ao 2º lugar do pódio; em H14, Duarte Reis e Diogo Rocha alcançaram os 2º e 3º lugares, respetivamente, e em D16, Mariana São Bento alcançou o 3º lugar.

Foram duas etapas de distância média disputadas em terrenos com características muito diferentes. No sábado, a prova decorreu em terrenos da Serra de Azóia, muito acidentados, com grande desnível a exigir boa condição física e muita atenção nas descidas. No domingo, a prova disputou-se perto da Lagoa de Albufeira, em terrenos de dunas e pinhais, que requeriam navegação cuidada e com muita atenção ao pequeno relevo.

Classificação final dos atletas dos Amigos da Montanha:

Duarte Reis, H14, 2º classificado;

Diogo Rocha, H14, 3º classificado;

Rodrigo Lima, H16, 2° classificado;

Mariana São Bento, D16, 3ª classificada;

Fábio Baptista, H18, 6º classificado;

Artur Cunha, H18, 7º classificado;

Anabela Freitas, D40, 8ª classificada; 

Jorge Silva, H55, 7° classificado.

Por equipas, os AM classificaram-se em 11º lugar entre 38 equipas presentes.

Fotos: AM.

Gil Vicente vence em Penafiel e segue em frente na Taça de Portugal

Outubro 19, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

O Estádio 25 de Abril, em Penafiel, recebeu mais uma eliminatória da Taça de Portugal, nomeadamente, a 3ª. O jogo opôs o FC Penafiel, da LEDMAN LigaPro, e o Gil Vicente FC, da Liga NOS, com o jogo a ditar a vitória – e consequente apuramento – dos gilistas, por 0-2.



Sob arbitragem de Artur Soares Dias (AF Porto), as equipas alinharam da seguinte forma:

FC Penafiel – Luís Ribeiro, Inácio, Vinícius, João Paulo, Yuri, Ludovic (Márcio Machado, 84′), Alan Schons (Alfredo, 87′), Pedro Lemos, Rafa Sousa, Romeu Ribeiro (Ronaldo Tavares, 38′) e Pires. No banco ficaram Filipe Ferreira, Felipe Macedo e Paulo Henrique.

Gil Vicente – Denis, Henrique Gomes, Rúben Fernandes, Nogueira, Fernando Fonseca, Soares, Claude Gonçalves, Baraye, Kraev (Leonardo, 72’), Lourency (Lino, 72’) e Sandro Lima (Naidji, 78′). No banco ficaram Bruno, Alex Pinto, Arthur Henrique e Juan Villa.

Ainda na primeira parte, os gilistas chegaram ao golo, através de uma grande penalidade convertida pelo brasileiro Sandro Lima. Ao intervalo o jogo já ditava uma vantagem dos barcelenses, por 0-1.

Na segunda parte, o luso-francês Claude Gonçalves fechou o marcador, aos 76 minutos, garantindo, não só, maior segurança e tranquilidade no jogo, como a confirmação do apuramento do Gil Vicente FC para a próxima eliminatória da Taça de Portugal.

Foto: GVFC (alterada).

ACR Roriz com três atletas na Taça de Portugal de BTT XCO

Junho 19, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

No passado domingo, 16 de junho, três atletas da ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKESEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT competiram na 4ª Taça de Portugal BTT-XCO, que decorreu em Valongo.



O júnior Lucas Braga foi 27º, o cadete Dinis Carreiras foi 16º e o Master40 José Ribeiro 18º.

Fotos: DR (alteradas).

Diogo Saleiro, da ACR Roriz, é Campeão do Minho de Estrada

Maio 22, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Decorreu, este fim de semana, a Final da Taça de Portugal de Cadetes, prova decorrida na Anadia e dividida em duas etapas. Sábado, 18 de maio, houve contrarrelógio de 14 Km e domingo, uma prova de 80 Km. A barcelense ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKESEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT foi uma das equipas participantes.



No contrarrelógio, os adversários dos rorizenses foram mais fortes, levando a que estes não tenham conseguido dar a melhor resposta ao longo dos 14km, ficando, assim, numa situação difícil para lutar pelo pódio final da Taça. O melhor posicionado foi Diogo Saleiro, na 16ª posição. Sérgio Saleiro foi 33°, Pedro Pinto 42°, Diogo Carreiras 63°, Guilherme Rodrigues 94° e João Serre 84°.

Depois destes resultados, no domingo, a equipa de Roriz partiu com a expectativa de lutar pela vitória na etapa e foi com esse objetivo que Sérgio Saleiro conseguiu, a 10 Km da meta, isolar-se na frente da corrida, sem mais nenhum ciclista a acompanhá-lo, tendo sido alcançado a escassos 300m da meta final, instalada no Monte Castro (Anadia). No final, Diogo Saleiro foi 11°, Sérgio Saleiro 44° e Diogo Carreiras 55°. Já Pedro Pinto e João Serre concluíram fora do tempo limite e Guilherme Rodrigues não concluiu.

Com estes resultados, Diogo Saleiro terminou no 12° lugar do Ranking, o que lhe valeu o título de Campeão do Minho de Estrada (Melhor cadete de equipas minhotas na Taça de Portugal). Ainda neste Ranking, Sérgio Saleiro foi 20°, Diogo Carreiras 58°, Pedro Pinto 81°, Guilherme Rodrigues 95° e João Serre 97°.

Fotos: DR.

Pedro Silva, da ACR Roriz, vence Taça de Portugal em Juniores

Maio 8, 2019 em Atualidade, Concelho, Desporto, Mundo Por barcelosnahorabarcelosnahora

Este fim de semana disputaram-se as duas últimas provas, de cinco, pontuáveis para a Taça de Portugal de Estrada Júnior e que viu o barcelense Pedro Silva, da ACR RORIZ SEISSA | KTM-BIKESEVEN | MATIAS&ARAÚJO | FRULACT, a fazer história, tornando-se o grande vencedor da competição, 12 anos depois do bicampeão de Nacional de Estrada, Domingos Gonçalves (Caja Rural) ter conquistado o mesmo troféu pela formação de Roriz.



No sábado, os atletas tiveram pela frente o Prémio Peixoto Alves, em Palmeira – Braga, que homenageia o vencedor da Volta a Portugal em 1965, com uma distância de 110km, onde se destacavam as duas subidas ao Sameiro pelo Bom Jesus do Monte. A formação rorizense partia, assim, para a prova ocupando os dois primeiros lugares do Ranking Individual, com Daniel Dias a encabeçar esta classificação, logo seguido de Pedro Silva, sendo também líder do ranking da classificação coletiva. Para além dos atletas já mencionados, a equipa era constituída por João Almeida, João Silva, Flávio Fernandes, Manuel Barbosa e Lucas Braga, tendo-se apresentado com o objetivo de defender a liderança da competição.

A prova ficou marcada por uma fuga inicial, constituída por perto de uma dezena de atletas, entre eles Lucas Braga, mas que não “ameaçavam” as contas da classificação geral. Com o passar dos quilómetros, apenas um atleta desta fuga inicial conseguiu ter êxito, sendo ele Diogo Narciso (Bairrada), que cortou a meta com cerca de 3 minutos de vantagem para o grupo onde se encontravam os principais favoritos à vitória final, entre os quais Pedro Silva, que terminou na 3ª posição, e Daniel Dias, no 9° lugar, depois de ter sido desclassificado para último do grupo onde seguia devido a um sprint considerado irregular. João Silva foi o terceiro melhor atleta da equipa, posicionando-se no 29° posto.

Com estes resultados, a equipa de Roriz partia para a derradeira etapa da Taça de Portugal na frente das duas classificações (individual e coletiva).

No domingo, os atletas tiveram pela frente uma tirada de 114km, com início em Lordelo e final na exigente subida em pavé da Serra de Santa Justa (Valongo).

A etapa que viria apenas a ser decidida nesta exigente subida, ficou marcada por uma violenta queda do líder da Taça, a faltar 40km para a chegada, que levou a ter de trocar de bicicleta. Os azares não ficaram por aqui pois viria a ser vítima de avaria novamente na entrada para a derradeira subida. Com estes condicionalismos, foram os seus colegas de equipa (João Silva, numa primeira fase, e, posteriormente, Bruno Silva) a ceder as suas bicicletas para que Daniel Dias conseguisse encurtar a distância para a frente da corrida.

Na frente da corrida, Pedro Silva controlou, com brilhantismo, os principais adversários, tendo finalizado na 2ª posição e, assim, conquistar a tão desejada Taça de Portugal. A vitória na etapa coube a André Domingues (Escola Bruno Neves). Daniel Dias, apesar de todos os condicionalismos, chegou na 8ª posição, segurando o lugar mais baixo do pódio da Taça, ou seja, o 3° posto. Na 13ª posição chegou João Almeida, depois de realizar uma excelente subida, o que lhe valeu o 3° lugar entre os juniores de primeiro ano. Ainda nesta etapa, João Silva foi 32°, Flávio Fernandes 38°, Bruno Silva 58° e Manuel Barbosa 70°.

Com estes resultados, a equipa caiu para o 2° lugar da classificação coletiva entre as 24 equipas que disputaram o troféu.

Na geral individual, Pedro Silva foi o grande vencedor, com 280 pontos; Daniel Dias foi 3°, com 250 pontos; João Silva 13°, com 77 pontos; Flávio Fernandes, 24° com 28 pontos; Manuel Barbosa 31°; Bruno Silva 33°, com 15 pontos, e João Almeida, que apenas realizou duas das cinco provas, alcançou o 37° lugar, com 13 pontos. Além destes atletas, participaram, ainda, Lucas Braga e Guilherme Santos.

Fotos: DR.

Ir Para Cima