“Trilho dos Moinhos” conquista participantes

Março 3, 2017 Atualidade, Concelho, Desporto

No último domingo foi para a rua, ou melhor, para os trilhos de Barcelos, a 11.ª edição do “Ledechem Trilho dos Moinhos”. A proposta dos Amigos da Montanha era dar conhecer os melhores trilhos, num passeio de 43 km e o objetivo foi cumprido pelo que se ouviu na Av. da Liberdade quando os participantes cortavam a linha de meta. “O melhor Trilho dos Moinhos de sempre”, “trilhos fantásticos, abastecimentos excelentes”, “parabéns à organização“, “tudo espetacular”, foram algumas das palavras escutadas pelo público que aplaudia a chegada dos atletas à meta.

A partida foi dada às 9h30, também na Av. da Liberdade, de cujo topo era possível ver, uma vez mais, uma imagem colorida de betetistas que a preenchiam por completo. Tem sido assim nas últimas três edições deste evento que atingiram, cada uma, o número limite de 1200 participantes.

Mais uma vez, a organização propôs um novo trajeto, num percurso delineado para satisfazer os participantes, propondo a descoberta de novos trilhos e moinhos, desta vez pelo lado sul do concelho, passando por montes de várias freguesias onde esperava os atletas muito público para ver a prova e dar palavras de incentivo para serem cumpridos os 43km. Pelo meio, de registar os abastecimentos, com a “Bola de Berlim” a merecer sempre lugar de destaque.

E mesmo os barcelenses, habituados a pedalar pelos trilhos locais, foram uma vez mais surpreendidos com novos trilhos e novos locais.

17022485_1401353006551622_4807898262350841517_n

Mas a competição nunca é deixada de lado e este ano a prova foi concluída num tempo record por David Vaz, o primeiro a cortar a linha de meta, 1h30m53s depois da partida. O barcelense Nelson Sousa (1h31m52s) ocupou o segundo lugar do pódio masculino que ficou completo com Jacinto Fiúza (1h32m53s). No sector feminino, duas barcelenses ocuparam os primeiros lugares do pódio. Ana Rita Vale concluiu a prova em 1h56m58s e Fátima Melo em 1h59m37. O terceiro lugar pertenceu a Virgínia Miranda (2h10m17s).

No pódio de paraciclismo, Júlio Costa foi o vencedor e o segundo lugar foi ocupado por Dionísio Lopes.

Antes da entrega de prémios, a Academia de Dança João Capela promoveu um momento de animação para o público presente.

A completar a atividade, durante a manhã, e depois de alguns exercícios de aquecimento com o Prof. Nené, realizou-se um percurso pedestre que deu a conhecer alguns espaços de Barcelos. Entre os participantes, contavam-se, na maioria, pessoas que acompanharam os betetistas na sua vinda ao concelho de Barcelos.

16998865_1401347119885544_3824017341642674932_n

Esta atividade, organizada pelos Amigos da Montanha com o apoio da Câmara Municipal e dos muitos patrocinadores que tornam possível a concretização do grande número de eventos anuais da Associação, teve a colaboração de cerca de 150 voluntários aos “quais mais uma vez os Amigos da Montanha agradecem o apoio e o empenho para que esta prova decorresse da melhor forma”, refere David Ferreira, diretor da prova.

Fonte: Amigos da Montanha.
Fotos: Facebook dos Amigos da Montanha (créditos: Eduardo Campos).

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

Últimas de

Me deu frio

No sopro de um suspiro Corre em mim, um arrepio Toco nas
Ir Para Cima